Sentimentos ocultos! por Bia Ramos


[Comentários - 33]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

– Você está bem?

– Estou sim... – ela se aproximou, senti seus dedos em meu braço, sua pele assim como a minha se arrepiou com aquele contato: – Viu o que você faz comigo?

– Não fiz nada...

– Mexe comigo, me deixa sem ação diante de você... Meus pensamentos se perdem...

– Está tentando me seduzir?

– Não sei, estou? – percebeu meu olhar e o desejo que nele continha, deu um passo para trás, sorri: – Não precisa ter medo de mim, não represento perigo.

– Não é medo... Pelo menos não de você. – olhei confusa para ela, perguntando:

– Poderia explicar isso?

– Eu nunca estive com nenhuma mulher, ao menos nunca me senti atraída por uma... De repente, naquela noite você fez aquilo comigo e passei a questionar isso.

– O que eu fiz com você?

– Me tomou em seus braços, encostou seu corpo ao meu... Seu rosto próximo ao meu pescoço... Fez eu sentir algo nunca sentido antes, ou depois. Foi ousada de uma forma que nunca ninguém foi ou deixei ser.

Sem me conter me aproximei dela, em meus olhos o fogo do desejo, não escondi aquilo, não daquela vez, disse quase sem voz:

– E agora, como se sente estando aqui comigo?

– Confusa... Curiosa... Estranhamente envolvida.

– Estranhamente envolvida? – sorri, aquilo era novo, até para mim, ainda assim, explicou olhando em meus olhos.

– Não vou mentir, não quis ficar longe desde o momento em que entrou no meu apartamento, por isso invadi seu quarto dessa forma.

– Seu quarto, quis dizer...

– Seu, a partir do momento em que entrou... – seus olhos perdidos nos meus, ainda disse: – Estava curiosa, você me deixou assim.

– Curiosa para saber como descobri seu nome, sei...

– Não Beatriz, estou curiosa para saber o que acredita que eu procuro nos homens.

– Como assim? – sorriu sem jeito, desviou os olhos por segundos, mas voltou novamente dizendo:

– Naquela noite em que conversamos pela primeira vez, você disse “Quando estiver cansada desses riquinhos metidos a bestas, que acham que estão satisfazendo uma mulher como você... Me procura, talvez eu possa dar o que você tanto procura nesses caras.” – Quero saber o motivo de ter dito aquilo.

– Guardou minhas palavras?

– Não é todo mundo que fala daquela forma comigo, sim, guardei com um certo ódio. – Mas no final sorriu, me deixando aliviada para continuar com meu flerte bobo.

– E está com ódio de mim hoje, foi isso que moveu você até aqui?

– Não, meu ódio há muito tempo se transformou em curiosidade... Vai me responder?

– Você é uma mulher linda, esbanja sensualidade por onde passa, é misteriosa, desculpa a expressão, mas é muito gostosa, a ponto de deixar aqueles homens fascinados e com desejo de ter você entre os braços deles apenas com um propósito, se satisfazerem com uma beldade de mulher e se gabarem disso depois, mas posso garantir, que muitos não chegaram nem perto de satisfazer você como merece e necessita.

– Uau, e com esse discurso todo, está me dizendo que pode fazer isso, me satisfazer?

– Não, aliás, já pensei muito nisso, ao menos em comparação com alguns homens que vi em sua companhia, pela sua expressão...

– Como assim, expressão?

– Queria estar e desejava ser possuída por todos eles?

– Não fui para cama com todos os homens com quem eu saí, está tomando uma visão diferente de mim.

– Desculpa, não foi essa a minha intenção, mas aparentava, por isso pensei como tal.

– Entendo... – desviou os olhos dos meus, ainda que estivéssemos próximas, não ousava me aproximar mais, porém, sussurrei:

– Não sente vontade de estar com uma mulher?

– Com você? – me olhou, buscando alguma coisa em meus olhos, sorri dizendo apenas:

– Qualquer mulher, você é livre para buscar realizar seus desejos e vontades.

– Já tive vontade sim, quando entrei para a faculdade, onde pode-se experimentar de “tudo”, mas não surgiu desejo e nem oportunidade.

– Entendi... – aquela não foi a resposta que eu queria, mas já esperava.

– Mas posso confessar? – uma pitada de esperança talvez? Ainda assim não fiquei tão ansiosa, ela disse: – Depois daquela nossa conversa, fiquei pensando no assunto, as vezes tenho essa vontade sim.

– E agora, está com essa vontade? – dei um passo em sua direção, ela me olhou, sorriu discretamente, não a toquei, mas podia sentir seu hálito quente em meu rosto... sua respiração mudou, sussurrei: – Quer ter essa primeira experiência comigo?

– Você é boa de conversa...

– Sou?

– Sim... Envolvente... Sedutora... – olhou em meus olhos agora, umedeceu os lábios antes de dizer: – Se eu disser que sim, como faria?

– Só irei fazer o que seu corpo mandar.

– Como assim?

– Ora, você não é leiga nisso, só posso dizer que a meta é a satisfação total.

– Você se acha, sabia? – disse quase sem voz, sussurrei também:

– Já me disse isso... – nossos olhos se cruzaram por alguns segundos, ela era um pouco mais alta que eu, tomou a iniciativa, aproximou os lábios e sussurrou entre os meus:

– Estou tentada... – buscou minha língua com a sua e sugou forte, seus braços em volta do meu pescoço... Meu coração foi de zero a cem em questão de segundos.

Deixei que ela ditasse as regras, e me deixei levar naquele beijo inesquecível... Ora brincando com minha língua... Ora mordiscando meus lábios, ela estava me deixando inebriada com um simples beijo... Simples? Não, complexo... Delicioso... Incomparável... Seus gemidos me levavam a uma outra dimensão... Posso estar pensando bobagens, mas navegar nela era o que eu mais queria.

 Quando suas mãos deslizaram pelos meus braços que se arrepiaram, sem pudores minhas mãos caíram sobre sua cintura, buscando sua pele por baixo daquelas peças minúsculas... Ela beijava tão bem que foi impossível evitar um gemido de prazer entre seus lábios... Levantei a parte de cima, tocando seus seios sem tirar a peça, eles couberam certinho entre meus dedos... Brinquei com o bico que rijo me arrancou mais um gemido...

Marina se afastou, não saberia dizer das duas, quem estava com a respiração mais oscilante... A tomei em meus braços e segui com ela para a cama, onde a deitei e me coloquei por cima, buscando sua língua com a minha mais uma vez. Agora meus dedos exploravam seu corpo... dos seios para a coxa e dela para o interior de suas pernas, onde seu sexo pulsava quente, salivei e gemi mais uma vez.

Notas finais:

Hei meninas... Bom dia!


Mais um caps para vocês... Espero que curtam...


Volto no fds com a finalização... ;)


Bjs a todas... se cuidem..


Bia


 



Comentários


Nome: rhina (Assinado) · Data: 15/10/2020 02:56 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

 

E elas chegam nos finalmentes

Rhina

 



Nome: Manuella Gomes (Assinado) · Data: 10/10/2020 17:56 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

Tudo bem envolvente.



Nome: Crislax (Assinado) · Data: 22/09/2020 01:17 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

Que momento para acabar haha. Sabe ser intensa. Escrita perfeita. Gostando muito.



Resposta do autor:

Olá Cris, tudo bem?

Deixar as minhas leitoras curiosas, é a minha missão... hehe

Pode matar sua curiosidade, moça, o caps está no ar... Espero que goste...

Agradeço o feed... *-*

Bjs, se cuida

Bia



Nome: Joanna (Assinado) · Data: 21/09/2020 14:19 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

Admiro esta versatilidade de escritoras como você, que escrevem histórias curtas com igual intensidade a histórias que são verdadeiras sagas, exemplo este romance que não foi finalizado.

Uma relação aparentemente casual, impelida pelo sexo, mas envolta pela curiosidade, mistério, busca do desconhecido.

E aguardando anciosa...

Abr



Resposta do autor:

Oi Jo, tudo bem?

Muito bom sentir que nosso trabalho transmite tanto impacto assim nas nossas leitoras, fico muito feliz em saber sua opinião sobre minhas histórias, e claro, de outras autoras também...

A relação de Bia e Marina foi inesperada, e, ao mesmo tempo, cheia de intensidade. Fico feliz por estar gostando...

Bjs, se cuida!

Bia  

 



Nome: Rosa Maria (Assinado) · Data: 20/09/2020 15:14 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

Bia!!! Que capítulo intenso começando meu domingo. Que conversa ,seguida de "QUE beijo, nossa!!! Pena que parou no momento crucial...kkkk

Beijo

Rosa🌷



Resposta do autor:

Olá Rosa, tudo bem?

Hei moça, vamos matar essa curiosidade, pois a parte "crucial" já está no ar... hehe

Espero que curta...

Muito obrigada pelo carinho...

Bjs, se cuida

Bia 



Nome: Jackie Olivier (Assinado) · Data: 20/09/2020 14:26 · Para: Caps. 4 ? Revelando sentimentos

Bom dia!!!

 

Estou adorando a história, os diáogos bem estruturados e sensuais.

Uma curiosidade a personagem Beatriz é inspirada em você?

Nossa deu calor ... que delícia iniciar o domingo. kkk

 

Bj.



Resposta do autor:

Olá, Jackie, tudo bem?

Obrigada pelo feed... *-*

Sobre a personagem, apesar de ter uma coisa ou outra minha, ela não foi inspirada em mim... Na verdade, a Bia tem vida própria... hehe 

Estou feliz por estar gostando, espero que curta os dois últimos...

Bjs, se cuida

Bia



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.


Ou comente usando seu Facebook: