Diga que me ama por Shewantsdinah


[Comentários - 10]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

 

Eu estou uma pilha de nervos.
Olho para o relógio a cada minuto mas as horas não passam.
Estou ansiosa pra saber o que a Dinah deseja falar comigo.
Sei que não devia ter aceitado me encontrar com ela e provavelmente irei me arrepender, mas eu não resisti e acabei aceitando.

Faltam exatos 15 minutos para acabar meu turno e eu resolvo não esperar mais. Passo na sala da Lauren para avisar que já estou indo e me surpreendo ao vê-la conversando com Demi.

 

- Olá.. Atrapalho?

 

- Não Mani, eu e a Demi só estávamos conversando. Você já está indo?

 

- Eu tenho um compromisso.. Laur eu posso falar com você um segundo em particular..? - pergunto olhando para Demi que automaticamente se levanta.

 

- Eu te espero na garagem Lauren. Foi um prazer revê-la Mani.

 

- Digo o mesmo Demi.

 

Encaro Lauren com a sobrancelha arqueada esperando uma explicação.
Vejo Lauren enrubescer e me olhar assustada.

 

- Só vamos sair pra conversar Mani, nada mais que isso.

 

- Eu não disse nada Morgado. - seguro para não gargalhar da cara que a Lauren faz.

 

- Ah esquece. Mas porque você está  indo tão cedo hein Kordei?

 

- É sobre isso que vim falar com você Laur. Preciso desabafar com alguém ou eu vou acabar enlouquecendo.

 

- O que houve Mani?

 

- A história é um pouco longa mas tentarei resumir. A algumas semanas atrás recebi um poema, pra ser mais exata era quase uma declaração de amor. Eu achei que fosse engano mas com o tempo recebi mais algumas..

 

- Espera. Deixa eu ver se entendi direito. Você tem um admirador secreto?

 

- Antes fosse secreta..

 

- Então é admiradora.. Quem é? Eu conheço?

 

- Sim Lauren, você e o mundo todo..

 

- Não entendi..

 

- É a Dinah, Lauren. Ela tem me mandado poemas e versos românticos. Ela me disse que não consegue parar de pensar em mim, que sonha comigo e enfim. Só que tem um problema Laur..

 

- Qual Mani?

 

- Eu também tenho pensado nela e sentido coisas estranhas quando estamos juntas..

 

- Eu sabia.

 

Encaro a Lauren completamente assustada.

 

- Como assim?

 

- Está evidente a tensão sexual entre vocês. Desde o dia em que percebi que você perdeu a fala ao vê-la entrando na redação para gravar o programa percebi que tinha algo rolando entre vocês..

 

- Não é tão evidente assim.

 

- Ah é sim Mani. A forma como ela te olha deixa tudo muito claro.

 

Abro e fecho a boca diversas vezes sem ter o que dizer. Nunca pensei que fosse tão evidente o que se passa entre mim e a Dinah.

Espera.. Será que a Zendaya também percebeu algo?

 

- Relaxa Mani, sei que está criando mil coisas na cabeça, mas eu só percebi porque conheço vocês. Mas não está tão evidente assim para os outros.
Mas agora me explica o que tudo isso tem haver com você sair mais cedo hoje?

 

- Então Laur, nós vamos nos encontrar hoje pra conversar.. Eu não sei se fiz o certo mas.. Ah Lauren ela tem mexido muito comigo. Preciso entender o que tenho sentido pela Dinah e ser o mais sincera possível com ela e com a Zen.

 

- Você está certa Mani. Nenhuma das três merece sofrer. Vá e converse com a DJ, e seja o mais sincera possível com você mesma.

 

- Obrigada Laur. Você é um anjo na minha vida. Agora tenho que ir. Até amanhã.

 

- Não precisa agradecer Mani. Até amanhã.

 

Antes de sair me lembro de uma coisa e me volto para Lauren. Com o sorriso mais debochado digo.

 

- Bom "passeio" com a Demi.

 

- Vá te catar Kordei.

 

Saio da sala dela gargalhando mas eu sorriso morre ao ver Dinah parada no início do corredor conversando com a Demi.
Hoje ela está excepcionalmente linda.

Com uma calça preta que dá um destaque a suas coxas e sua bunda, uma blusa bege colada com brilho e saltos scarpin pretos. Com uma maquiagem que destaca seus olhos e os cabelos trançados finalizando seu visual completamente espetacular.

Fico completamente encantada ao vê-la assim.
Meu coração dispara e sinto minhas pernas falharem.
Penso em voltar a sala da Lauren até recobrar o controle sobre mim mesma, porém já é tarde.

 

Dinah já me viu.

 

Ela me oferece um dos seus mais lindos sorrisos e se despede da Demi e vem até mim.
Sinto minha respiração cada vez mais irregular e meu coração acelerando.
Dinah para em minha frente ainda sorrindo e olhando profundamente dentro dos meus olhos.

 

- Oi Manz. Você está linda.

 

Dinah me abraça apertado, segurando firme em minha cintura de forma única e ao me soltar, me dá um beijo no canto dos lábios.

 

Perco a fala e prendo a respiração.

 

- Vamos Manz?

 

- Ah..

 

- Você está bem Manz?

 

- E-eu.. Sim.. Vamos.

 

Dinah me oferece a mão e eu entrelaço meus dedos nos seus e sinto uma sensação única.
A forma como nossas mãos se encaixam, a forma como ela me olha e sorri.
Sinto que estou ferrada.


Seja o que Deus quiser.

 

Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.