Diga que me ama por Shewantsdinah


[Comentários - 10]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

 

Ao chegar no estacionamento do restaurante Dinah desliga o carro e me encara profundamente. Sinto cada parte do meu corpo se arrepiar sob o olhar dela.
O silêncio dentro do carro se torna sufocante e eu resolvo quebra-lo.

- Vamos Dinah?

- Manz..

A forma como ela me chama, a forma como seus lábios se movem ao pronunciar esse apelido me deixam completamente hipnotizada.

- O-o que foi?

- Nada, melhor irmos jantar logo.

Ao dizer isso Dinah abre a porta do carro praticamente correndo.

Não entendo o que há com ela, toda essa intensidade que o corpo dela exala, esse olhar enigmático, a forma como ela segurou meu braço..
Acho que aquela mensagem está me deixando louca.
Melhor acabar logo com isso, porque quanto mais rápido esse jantar acabar menos eu tenho que encarar a Dinah.

Ela abre a porta do carro pra mim e me estende o braço para que eu me apoie nela.

Ao entrar no restaurante percebo que fiz bem ao escolher o vestido vermelho já que o Paris 6 é o restaurante mais refinado da cidade.

Ao entrarmos no restaurante o garçom nos encaminha até onde Zend já nos espera com um sorriso no rosto.

Dinah ao perceber o olhar de Zendaya sobre nós me solta e imediatamente.
Sinto a falta do seu contato, porém não deixo transparecer.

- Meu amor que saudades. - Zendaya diz se levantando da cadeira vindo ao meu encontro. - Me perdoa por não ter ido te buscar mas tive que resolver uns tramites para a viagem que eu e a Dj vamos fazer amanhã.

-  Mas já? Você mal chegou.

- Eu sei meu amor, mas vamos a Portugal para o encerramento da turne internacional.

- Desculpe roubar sua esposa assim Normani, prometo que depois ela terá férias e será toda sua.

Levo um pequeno susto com a voz de Dinah atrás de mim, tinha me esquecido completamente da presença dela tão próxima a mim.

Engraçado que voltei a ser Normani. Onde foi parar o Manz?

Ao me virar para encara-la percebo seu olhar intenso novamente sobre mim e desvio os olhos rapidamente.

Ao voltar a encarar a Zendaya, sou surpreendida por um beijo intenso na frente Dinah, o que Zendaya nunca foi de fazer.

Correspondo ao beijo um pouco desconfortável sem saber ao certo com o que, e vou me afastando aos poucos.

Zend me olha com os olhos brilhando e um sorriso lindo, que antes me derretia por inteira mas agora me deixa apenas desconfortável.

Dinah pigarreia atrás de nos claramente desconfortável.

- Depois dessa demonstração intensa de amor, vamos jantar?

Dinah diz em leve tom de sarcasmo que não passou despercebida por mim.

- Claro Dj - diz Zend ainda sorrindo, porém com o mesmo tom de sarcasmo.

O que está havendo entre elas?

Nos sentamos em silêncio, eu me sinto cada vez mais incomodada com o olhar de Dinah sobre mim e agora o da Zendaya também.

Eu não sei o que está acontecendo entre elas ou o problema deve ser comigo.
A mensagem ainda não sai da minha cabeça e a forma como a Dinah me olha me da plena certeza de que sim, a mensagem foi pra mim. Mas porque? O que ela quis dizer com aquilo? Uma mensagem de amor pra namorada da manager e amiga dela?

A forma como a Dinah me olha está balançando todas minhas estruturas.
Ela sempre foi intensa demais, e ficar ao lado dela sempre foi um prazer para mim.
Temos pensamentos parecidos, os mesmos ideais, e eu amo ouvir as histórias que ela sempre conta. Mas depois daquele poema eu não consigo relaxar ao lado dela, minha mente da voltas e voltas em torno daquela maldita mensagem.
Sou tirada dos meus devaneios pela voz da Zendaya.

- Amor o que você vai querer? Eu e a Dj já escolhemos.

- O que?

- Mani o que há com você? Está muito distraída hoje meu amor.

- É apenas cansaço Zend, mas o que vocês escolherem pra mim está ótimo.

Volto meu olhar para Dinah que agora está de óculos e.. Meu Deus ela fica linda de óculos!

Pare com isso Normani. Pare de admirá-la desta forma.

Me xingo mentalmente e passo o resto do jantar concentrada na minha comida, tentando evitar o olhar de Dinah sobre mim e participar das conversas entre ela e Zendaya.
Mas não consigo comer por estar tão desconfortável com a presença dela.

Fico brincando com a comida sem conseguir sentir o mínimo de fome. As cobranças na emissora estão acabando comigo, meu namoro com a Zendaya já não é a mesma coisa e ainda tem a Dinah.
Eu preciso esclarecer minhas duvidas sobre aquela mensagem, saber se realmente foi engano, e acabar com este desconforto.

Mas e se realmente foi para mim?

O que eu vou fazer? Como agir? Eu nunca mais vou conseguir encará-la sem ficar desconfortável.

Eu não aguento mais, preciso ir pra casa,  preciso esquecer que o dia de hoje existiu e principalmente esquecer está mensagem.
Resolvo chamar a Zend para irmos embora.

- Zend, vamos pra casa? Eu não me sinto bem.

- Amor o que você tem? Percebi que estava realmente estranha.

- Minha cabeça dói e eu estou exausta.

- Entendo meu amor. Dj se incomoda de irmos?

- Claro que não. Desejo que fique bem Normani. Nos vemos amanhã Zend. Uma boa noite para vocês.

Resolvo encarar Dinah que agora ostenta uma expressão estranha.
Me despeço e agradeço com um aceno e me levanto para sair do restaurante.
Preciso respirar ar puro longe de toda essa intensidade dela.
Me encaminho para fora para esperar que ela e Zendaya fechem a conta do jantar.

Eu estou enlouquecendo, isso só pode ser cansaço, acho que estou trabalhando demais. Acumulando estresse demais.

Eu preciso de férias. É isso. Eu preciso viajar, ficar um bom tempo longe e sozinha pra colocar minha cabeça no lugar e esquecer um pouco de todos os meus problemas.

Sou surpreendida por Zendaya me segurando pela cintura e Dinah vem um pouco atrás dela.

- Vamos amor?

- Sim Zend.

Saio dos braços da Zendaya para me despedir de Dinah e ao encontrar seu olhar, me arrepio da mesma forma como me arrepiei na minha garagem. Porém desta vez sem ela ao menos me tocar.

Me encaminho até ela para me despedir com um beijo no rosto e sou surpreendida por um abraço forte e um beijo na curva do meu pescoço.

Me arrepio mais ainda e acabo soltando sem querer um suspiro e sinto meu corpo relaxar sob seus braços.
Sinto que todo o cansaço e estresse do dia desapareceram com este abraço. Fazia tempo que não tinha essa sensação de lar.

Meu Deus! O abraço da Dinah me traz essa sensação de paz, parece que enfim achei meu lugar no mundo.

Droga.

Acho que estou realmente precisando de férias.

Saio do abraço completamente constrangida e me surpreendo ao ver o sorriso lindo que a Dinah me direciona. Acabo retribuindo completamente encantada por vê-la assim com o rosto vermelho e o sorriso que chega a iluminar seus olhos.

Me despeço timidamente e vou até a Zendaya que tem uma expressão estranha no rosto e que apenas acena para Dinah como despedida.

O trajeto até o nosso apartamento é feito em um completo silêncio mas que para mim é completamente libertador já que Zend ficou completamente estranha depois que nos despedimos de Dinah. E a última coisa que desejo agora é iniciar uma discussão.

Ao chegar em nosso prédio saio praticamente correndo do carro em direção ao elevador, a única coisa que desejo no momento é cair na minha cama e esquecer o dia de hoje.

Ao entrarmos no elevador Zendaya se transforma completamente e me olha de forma sugestiva. Imediatamente entendo o que ela quer.

Sexo.

De jeito nenhum.
Hoje não dá.
Estou exausta e além de tudo minha mente da voltas em torno do que houve entre mim e Dinah. Dos olhares, o abraço e a maldita mensagem.
Resolvo ser sincera e acabar com todas as intenções da Zend.

- Amor, não me olhe assim. Eu estou exausta. Minha cabeça parece que vai explodir. Só quero chegar e deitar na nossa cama.

- Poxa Mani. Fiquei mais de uma semana fora por causa da turnê com a Dinah, estou morrendo de saudades suas. Só queria um pouco de atenção.

- Zend olha, quando você voltar vamos ter dias só nossos. Mas hoje não por favor.

- Ok Normani.

Sei que ela ficou chateada com isso mas eu não consigo, eu não conseguiria nem se eu quisesse hoje.
As portas do elevador se abrem e a Zend me da passagem saindo logo atrás de mim.
Abro a porta do nosso apartamento e jogo os saltos em um canto qualquer e vou em direção ao nosso quarto.
Tiro minha roupa fixando apenas de lingerie indo em direção ao banheiro.

Depois de retirar toda minha maquiagem e fazer minha higiene básica volto para o quarto e me deparo com Zendaya já dormindo.

Eu a amo intensamente mas nossa relação já não é mais a mesma. Estamos juntas a 3 anos mas esse rotina que ela tem de viajar pelo mundo inteiro com a Dinah além dos ciúmes exagerados acabaram desgastando nossa relação.
Pretendíamos ter filhos esse ano mas parece que ela se esqueceu disso. Ela sabe do meu sonho em ter filhos e formar uma família mas ela só pensa em trabalho e mais nada.

Eu não sei por quanto tempo mais consigo levar essa relação. Nem ao menos se eu realmente quero essa relação.

Sou tirada dos meus pensamentos por uma nova mensagem no meu celular.

É só pensar em você
Que muda o dia
Minha alegria dá pra ver
Não dá pra esconder
Nem quero pensar se é certo querer
O que vou lhe dizer
Um beijo seu
E eu vou só pensar em você

Você não sai dos meus pensamentos Manz. Me ajude a descobrir o que sinto por você.

D.

Droga!

Agora sei que aquela mensagem não foi engano.

Ah meu Deus! O que eu vou fazer?

Oi pessoas lindas. Espero que estejam gostam dessa fic. O verso que a Dinah mandou para a Normani dessa vez é a música pensar em você da Daniela Mercury.
Me digam o que estão achando.
Até o próximo. ❤

 

Nome: Thaci (Assinado) · Data: 12/06/2018 05:36 · Para: Capítulo 3

Oie,autora!!

Eu estou amando a estoria. Nota mil. Você está de parabéns esroria muito mara.. Aguardando cenas do próximo capítulo.



Resposta do autor:

Olá meu anjo, fico muito feliz por estar gostando! Logo logo teremos um novo capítulo. 



Nome: Lety42 (Assinado) · Data: 12/06/2018 03:07 · Para: Capítulo 3

haha esperando o próximo cap essa DJ n vai desistir kkkkkk 

To anciosa 

Meus parabéns autora 

 



Resposta do autor:

Obrigada meu anjo, espero que gostem dos próximos capítulos ????



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.