O amor chega sem avisar por patty-321


[Comentários - 173]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

Acordei com o alarme do celular. Virei e vi aquele anjo do meu lado. Tão linda. Abrir um sorriso maior do mundo. Ela abriu os olhos e falou:

- Bom dia, linda. Dormiu bem?

- Bom dia, flor. Dormir bem demais.

- Que horas são?

- São 7 e 30. Tenho que ta às 9 na secretaria.

- Tem tempo suficiente. Vem cá me dar um beijo.

Fiquei um pouco em dúvida, com timidez por um instante e depois mandei tudo pro espaço, me apoiei num cotovelo e me inclinei beijando-a, primeiramente nos lábios, depois beijei suas pálpebras, rosto, queixo. Tudo bem devagar. Ela suspirou. Passei a ponta de língua em sua orelha e falei no seu ouvido.

- Você é mais cheirosa quando acorda. Como é possível? Hem?

- É? Você é que é deliciosa.

Ela me pegou de jeito e me deu um beijo maravilhoso. Nossa! Suspirei e me excitei na hora. Ficamos nesse amasso gostoso por alguns minutos e me lembrei que precisava ir senão me atrasaria.

- Gatinha, vamos levantar, senão me atraso. Vamos.

- Tá bom, por enquanto a senhorita me escapa, mas não por muito tempo, Rs,Rs.

- Ui. Quem disse que quero escapar?

- Hum, que ela está se soltando. Adooroooo.

Ela me deixou em casa. Me troquei e fui para o trabalho. Entrei no escritório com um sorriso enorme. Janaína foi logo me enchendo.

- Chefinha, você ta brilhando. Viu passarinho verde foi?

- kkkkkkk. Ai Janaína. Passarinho verde é? Kkkkkk. Só você. Traz um café pra mim, por favor.

- Ok chefinha. Deixa comigo. Vou mandar o boy comprar aquele que você gosta.

Sento na minha mesa e pego o celular da bolsa e tem uma mensagem no what. Dela. Ah, suspirei.

- Bom dia de novo pra você. O dia está lindo hoje,  não acha? Já estou com saudades. Bjs, bjs e mais bjs nessa boca maravilhosa.

- Bom dia, bebê. O dia realmente está lindo, perfeito. Saudades? Já? Hum... bjs.

Era umas onze horas quando Janaína entra com um buquê de rosas vermelhas.

- Olha Sandra,  que lindo. Chefinha, você ta podendo hem? Esse cara ta apaixonado.

- Abrir um sorriso e fechei ao mesmo tempo. O pensamento veio como um raio. E se ela souber que não é um cara e sim uma moça? Droga. Dane-se.

- Que foi chefe?

- Nada querida. Me dê aqui. Obrigada.

- Peguei o cartão e li: “Obrigada pelo dia e a noite maravilhosos. Você é um presente na minha vida. Você já faz parte dela. Do seu “Bebê”. Beijos na boca. M.

Fiquei muito feliz e beijei o cartão. Tinha o cheiro dela. Tão gentil. Tão carinhosa. Atenciosa. Fofa.

Peguei o celular e liguei pra ela.

- Oi linda.

-Oi, meu bebê, Rs. Obrigada pelas flores. São lindas.

- Não tem de que. Adoro te paparicar. Quero ver você feliz. Sabe que fiquei com medo de você não querer mais falar comigo?

- Porque não falaria?

- Sei lá você poderia ter pensado melhor e ficado com medo de se envolver porque sou uma mulher. Sei que você não é de se envolver nem com homens. Você sempre falava que era só na hora da cama e pronto.

 - Hum... sei que minhas palavras já foram essas mesmas. Mas to decidida a viver isso com você que ainda não sei bem o que é. Precisamos conversar. Vamos com calma. Ok?

- Claro amor. Do jeito que você quiser.

Me arrepiei quando ouvir o “amor”. Na hora pensei: o que eu to fazendo. Essa menina ta apaixonada por mim? E eu? O que quero? Não posso ser leviana com sentimentos de ninguém.

Nos despedimos e o restante do dia foi de trabalho intenso. As aulas ainda não haviam começado na faculdade. Teria mais um fim de semana de folga.

Final de expediente e recebo uma visita.

- Meninas lindas. Vocês aqui- eu disse com surpresa.

- Oi tiaaaaa. A gente tá com saudade, né mãe?

- É sim filhota. E queríamos te convidar pra tomar um tacacá ali na praça. Vamos?

- Vamos,claro. Adoro tacacá. Vou pegar minha bolsa.

- Tchau Janaína, até amanhã.

- Tchau chefa. Boa noite. Tchau meninas.

E lá fomos nós. Pedimos 02 cuias e sentamos no banco da praça. Ficamos degustando e olhando Manoela correr e brincar com algumas crianças que lá estavam. De vez em quando ela vinha, bebericava o tacacá da mãe e corria de novo. Muito fofa. Eu toda derretida, sempre fui louca pra ter uma filha.

- Linda vc ta bem?

- To ótima, porque, não pareço bem pra vc Marina?

- Ah, sei lá. Vc quiser conversar sobre o que aconteceu entre nós. Pode falar sem reservas.

Ela me falou isso com um jeito tristonho. Já tinha percebido que essa moça linda, com esse jeito extrovertido e brincalhão, tem lá suas dificuldades, principalmente com respeito a sua autoestima, que percebi não ser muito elevada. Com certeza aquele sujeito que ela se relacionou durante tantos anos, seria um dos grandes responsáveis por esses estados psicológicos dela. Me subiu uma raiva gigante do cafajeste. Minha vontade era de protegê-la e lhe dar muito carinho. Vontade de colocá-la no colo e enchê-la de beijos.

Me assustei com esses pensamentos e sentimentos. Acho que ela notou minha desorientação. Virei o rosto pra frente com rapidez.

-Que foi Sandra? Ficou tão séria de repente, esse teu olhar... o que houve?

- Nada, nada – Respirei fundo e comecei a falei:

- Marina, vou te confessar. Não é fácil pra mim, eu que sempre me achei uma hétero convicta e de repente me vejo assim, atraída por uma moça, linda, bem mais jovem que eu e fico pensando o que você viu em mim? Não que eu não me ache interessante. Eu sei que sou. Mas nunca imaginei que uma mulher se interessaria por mim. Você pode ter a mulher que você quiser. Jovem e linda como você é. Sei que hoje está tudo mais livre e é normal pra mulheres se relacionarem com outras mulheres. E sempre procurei encarar com naturalidade. Eu odeio rótulos, você sabe, sempre falo isso. E sou uma pessoa que está sempre disposta a encarar desafios e mudar de idéia e atitudes, me considero uma pessoa vanguardista.

- Eu acho você maravilhosa! Nossa. Você é jovial, alto astral, inteligente, atraente. Eu que sou pouca areia pro seu caminhão. Kkkkkkk. Te admiro demais. Além do que foi mágica a nossa noite. Nós temos uma química incrível. Também não tenho muito experiência com mulheres. Com você,  foi a segunda vez que cheguei até o final. Muito instinto e vontade. Você é carinhosa, apaixonada, quente!! E muito gostosa. Rs, rs. Quero você na minha vida. Você quer?

Ficamos nos olhando. Nossa,  como ela me despertava sentimentos. Fiquei pegando fogo só com o olhar dela sobre os meus e veio à minha mente nós duas naquela cama e nossos beijos. Como foi bom. Ai minha mãe: eu to apaixonada?

Peguei na mão dela, ainda a olhando e disse: Sim, gatinha, eu quero e muito.

Ela me olhou, beijou meu rosto e deitou a cabeça no meu ombro, se ajeitando no banco. Ficamos assim. Não sei se tinha alguém nos olhando e na verdade nem me lembrei de verificar. Todos os minutos com ela estavam sendo, tão... sei lá, mágicos.

Notas finais:

O começo do comeco, kkkk. Bom,  tudo são flores no início, continuem lendo que há muitas emoções a permear esta singela estória que tem um pouco do que ocorreu comigo e minha descoberta.



Comentários


Nome: Tekaxaviers (Assinado) · Data: 05/05/2018 22:10 · Para: 17- Namorando?

Realmente esse momento de começo de relação e assustadora mais muito gostosa, aproveita Sandra.



Nome: flawer (Assinado) · Data: 03/04/2018 09:55 · Para: 17- Namorando?

Olha o clima de romance, genteee! ( Sorrindo aqui) 

Aiai... Saudades disto. Kkkkkkkkkk o jeito é curtir o momento das meninas aí é chupar dedo aqui. Kkkkk

Simboraaaaa gata garota talentosa



Nome: Thaci (Assinado) · Data: 18/03/2018 21:05 · Para: 17- Namorando?

Que fofo!!!! 

O amor é lindo lind!!! Vai fundo Sandra!!!!

E agora?!!! O que vai vir? Está tudo muito lindo e calmo o que vai acontecer para a acabar com essa calmaria???



Resposta do autor:

O que ne? Fik acompanhando. Obrigada bjs



Nome: Jubh (Assinado) · Data: 18/03/2018 15:21 · Para: 17- Namorando?

Tem mais hoje? Tem? Obaaa!!!! Vai que cola!kkkk



Resposta do autor:

Amanhã eu posto. Obrigada pelo comentário. Bjs



Nome: Mabre 27 (Assinado) · Data: 18/03/2018 09:31 · Para: 17- Namorando?

É agora não dá mais pra voltar dona Sandra.

É se render ao tão esperado "amor" 

Suponho que ainda virão fortes emoções autora,

Nem tudo são flores, isso é fato...

Bjs



Resposta do autor:

O amor chega de surpresa na vida da Sandra. E agora?



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.