Última noite de amor por Vandinha


[Comentários - 1262]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

Última Noite de Amor -- Capítulo 37

 

Assim que eles saíram Isabel retornou para o quarto. Sentou na beirada da cama e ficou admirando Alexandra dormir.

Ela é tão linda e a estava tratando de uma maneira tão doce e carinhosa. Tinha tanto medo que a estória entre elas se resumisse a uma noite de amor.

Deitou ao lado dela e fez um carinho em seu rosto. Agora Isabel tinha pela frente além do desafio de contar a verdade, também o desafio quase impossível: provar que seu amor é sincero e reconquistar a confiança de Alexandra!

 

 

O trio retornava caminhando calmamente pela praia em direção ao heliponto.

A vista daquele lado da ilha era incrivelmente linda, mais lindo ainda era o sol nascendo naquele horizonte sem fim.

-- O que vocês acham que vai acontecer com elas?

-- Olha meu amor. Você sabe tão bem quanto eu que essa Alexandra da Isa, não é a mesma Alexandra Girani, nossa chefa de tantos anos.

-- Porque você está dizendo isso André?

-- Minha querida Tati, preste atenção. A reação da nossa Alexandra será assim: Ela vai quebrar metade dos objetos da casa, vai xingar a Isabel de todos os palavrões possíveis e, com certeza, vai querer voltar para o Rio nadando.

Sentaram na areia de frente para o mar.

-- E a Alexandra da Isa?

-- Essa eu conheci faz pouco tempo. Mas nesse pouco tempo, percebi que ela é compreensiva, carinhosa e ama loucamente a nossa amiga. Qual será a sua reação? Não sei, mas tenho certeza que será bem melhor que a nossa antiga Alexandra.

Quando enfim o sol nasceu por completo decidiram ir embora. Tatiana estava com os olhinhos vermelhos de sono e uma cara extremamente cansada.

 

 

Alexandra abriu os olhos com dificuldade por conta da claridade que fazia no quarto. Procurou por Isabel quase que instantaneamente e a encontrou deitada ao seu lado de olhos fechados. Sua respiração era profunda e tranquila.

Ficou admirando as suas feições por algum tempo. Nossa como ela é linda, pensou com um sorriso bobo nos lábios.

A queria para si, de verdade, como sua mulher. Estava amando ela, de tal forma que nunca imaginou que amaria.

Segurou o rosto dela, de forma leve e carinhosa e lhe deu um beijo suave nos lábios.

Isabel inconscientemente aconchegou o corpo nu junto ao dela.

-- Acorda preguicinha -- Alexandra falou com a voz rouca próxima ao ouvido dela -- Já passa das nove horas -- deu um cheirinho no pescoço inalando profundamente o aroma da pele dela, apreciando o modo como o perfume feminino se misturava à fragrância almiscarada da paixão, e sentindo uma tensão correspondente em seu sexo.

-- Quero não -- ela murmurou sorrindo com os olhos fechados.

-- Precisamos comer alguma coisa -- ela disse sorrindo do jeitinho manhoso de Isabel -- Vamos linda.

Isabel abriu os olhos. Os raios de sol entravam através das cortinas finas do quarto e reluziam na pele de Alexandra. Não resistiu a aquele convite tentador. Pressionou os lábios no pescoço delicado, no ponto sensível abaixo da orelha, e foi recompensada com um gemido suave. Sorriu contra a pele macia dela.

Isabel mal tinha cochilado, mas sentia-se novamente pronta para ela, e não queria perder um minuto da primeira noite das duas juntas.

Alexandra rolou o corpo em direção ao dela de modo que seus corpos se tocavam dos ombros até os pés. Emitiu um suspiro baixo enquanto os lábios procuravam aquele beijo doce como a abelha procura a flor.

Possuía uma certeza: se entregaria a ela sem barreiras. Esqueceria a triste experiência vivida por seus pais, o amor não correspondido, a traição de sua mãe.

O medo de se envolver num relacionamento amoroso e sofrer a impedia de experimentar um relacionamento amoroso feliz. O amor acontece naturalmente e precisa de oxigênio para crescer. O medo de um envolvimento emocional a impedia de provar a experiência do amor autêntico.

São muitos os dilemas da paixão amorosa e Alexandra havia se convencido de que amar é sofrer.

Já com Isabel, Alexandra sentia que era diferente, deixaria fluir. Estava convicta de que havia encontrado a pessoa certa. Estava pronta e o desejo de ter um relacionamento amoroso autêntico era enorme. Relaxaria, deixaria a vida seguir seu caminho da melhor forma, abrindo espaço para a alegria. Estava cheia de projetos e planos delas juntas. Jamais esteve tão viva e feliz, previa um futuro cheio, transbordando de felicidade.

Isabel por sua vez só conseguia projetar sofrimentos. Não conseguia ver o futuro. Estava presa ao passado e tentava viver da melhor maneira o presente no aqui e no agora. Os segundos eram preciosos, por isso puxava Alexandra com força para si, como se ela fosse fugir a qualquer momento.

Uma sede enorme maior do que ela própria, que lhe tomava agora o corpo todo.

Lembrou-se do babaca do Gustavo que costumava dividir as mulheres entre pra casar e para trepar, porque acreditava que uma mulher direita não podia fazer certas coisas na cama. Ele é tão tapado que nem sequer arriscava fazer nada demais com a esposa. Agora, com as prostitutas ficava tudo liberado, é só pagar e aproveitar.

"Toda a gente diz que a prostituição é um mal da sociedade e que não existe solução, e infelizmente talvez seja assim enquanto persistir a exploração do homem pelo homem é difícil acreditar para quem entra no meio que é possível sair e recomeçar uma nova vida. Tudo começa nas escolas, na nossa rua, no nosso bairro, na nossa cidade, é aí que eles andam de olhos postos nas jovens que apresentam alguma fragilidade".

Todos aqueles pensamentos de Alexandre e Isabel foram sumindo... Sumindo até serem substituídos por aquela sensação única e agradável que uma oferecia a outra.

Os lábios se encontravam de uma forma mágica que elas nunca haviam sentido antes. As mãos de Alexandra no rosto e no cabelo de Isabel deslizavam suavemente. Seus corpos pareciam sentir todo aquele sentimento em simples toques e sentiam aquele arrepio e aquele sentimento transbordarem no mais lindo e profundo beijo, onde não conseguiam pensar em mais nada.

Simplesmente sabiam que estavam apaixonadas e que se amavam. Era um amor tão simples e puro, podiam sentir que nos abraços uma da outra era o lugar onde deveriam permanecer.

Quando os lábios deram uma distância convincente nenhuma das duas ousou abrir os olhos e acordar daquele sonho, deram um grande abraço.

-- Será que eu posso abrir os olhos? Será que é um sonho? -- Alexandra abraçou Isabel sentindo o cheiro gostoso que emanava do seu cabelo.

-- Eu não sei amor. Tenho medo só de pensar que isso foi um sonho -- disse dando um enorme suspiro junto com um sorriso.

Alexandra, primeiro abriu um olho... Depois outro e comemorou.

-- Não foi um sonho meu amor! -- encheu Isabel de beijinhos.

-- Não! -- Isabel comemorou junto abraçando Alexandra.

Nesse instante a empresária pôde constatar que o corpo estava exausto. Sentia as pernas doloridas, assim como os braços e suas costas. Sorriu deliciada.

-- Nossa, eu acho que você acabou comigo amor. Sério, acho que nem com fisioterapia serei capaz de voltar a andar corretamente algum dia.

-- Eu não tenho culpa se você é tão gostosa Xanda -- deu uma mordida na pontinha da orelha dela -- E insaciável!

-- Hum, até parece que só eu que sou insaciável, né meu mel?-- falou sorrindo -- Mas sério, eu estou morta -- resmungou manhosa, fazendo bico.

-- Eu deveria ter pegado mais leve com você -- ela beijou o bico -- Eu esqueci que você ainda não está recuperada. Perdoa-me.

-- Ei, relaxa. Eu amei cada momento junto com você -- ela sorriu -- E mais a mais essa fisioterapia amorosa só pode ter feito bem para mim. Eita exercício gostoso. Quero mais, quero mais... -- brincou.  

Isabel apenas beijou a testa de Alexandra e a encarou.

-- Vamos comer agora? Precisamos nos alimentar.

Alexandra sentou na cama e tentou ficar de pé, mas uma sensação de desconforto, dor, fraqueza e rigidez na articulação a impediram.

-- Que saco! -- puxou a cadeira para mais perto e sentou -- Pensei que hoje conseguisse ao menos ficar de pé com o auxílio do andador.

-- Vai com calma, amor. Prometo que depois do café vamos tentar alguns passos. Que tal?

-- Acho uma ótima ideia -- concordou animada.

Tomaram banho e foram comer, e a cada vez que se olhavam, lembravam-se dos momentos juntas. Balançavam a cabeça e sorriam. Não precisavam de uma palavra sequer para se entender.

 

 

No Leblon.

 

 

-- Então quer dizer que o plano foi um sucesso? -- Janaína sentou-se ao lado de Tatiana com uma caneca de café na mão.

-- A nossa parte foi um sucesso. Conseguimos evacuar a ilha, falar com a Isabel sem que Alexandra visse, enfim, tudo conforme o planejado.

-- Que bom meu amor -- Simone entregou uma caneca com café para ela e sentou no sofá à frente.

O "amor", pronunciado pela enfermeira causou certa surpresa em Tatiana, mas ela nada falou, apenas levantou uma sobrancelha, pegou a caneca da mão dela e agradeceu.

-- Ficamos aqui só imaginando a cena -- Janaína sorriu -- Deve ter sido coisa de cinema.

-- Comédia pastelão -- revirou os olhos -- O André não consegue realizar uma pequena tarefa sem que ocorram grandes trapalhadas.

-- Tadinho. O André tem se mostrado um amigão. Ele mal conhece a Isa e está colocando o seu emprego em jogo por ela.

-- Não se preocupe com ele Simone. Alex nunca mandará o André e o Ramon embora. Os dois são como irmãos para ela.

-- Penso que tudo o que ele está fazendo é tão somente pensando na felicidade da Alexandra.

-- Você tem razão Tati -- Janaína se levantou com a caneca na mão e caminhou em direção à cozinha -- Vou até o cemitério visitar o tumulo da Giovana. Qualquer novidade me ligue.

-- Pode deixar -- Tatiana falou olhando para Simone com uma expressão preocupada.

-- Você acha que ela vai começar novamente a manter contatos com o além?

-- Não sei Simone, mas tenho pena da Valéria. Espero que ela volte logo de viagem para ocupar a mente da Janaína com coisas desse mundo.

-- Já deu para perceber que não é o espirito da Giovana que vem atrás dela e sim ela que não deixa o espírito da Giovana em paz.

-- Não entendo muito sobre isso, mas em minha opinião, a Giovana só não tomou consciência que está morta porque a Janaína não ajuda -- Tatiana abriu os braços -- Ela fica se lamentando o tempo todo -- bufou inconformada --Depois que a Alexandra entregou as alianças para ela ficou ainda pior.

-- Você viu que ela colocou as alianças em um cordão e usa como pingentes?

Tatiana balançou a cabeça e tomou um pouco mais de café.

-- Quando a Valéria voltar vai ficar muito triste.

 

 

Gustavo entrou no bordel de alta classe e sentou-se em uma poltrona de couro. O lugar estava praticamente vazio naquele horário, na verdade, além do advogado, só existia os funcionários do bar que limpavam a sujeira da noite anterior.

Esperou alguns minutos até que Bob apareceu trazendo consigo dois copos de whisky White Label.

-- Bom dia Gustavo -- colocou os copos sobre a mesa e sentou -- Espero que tenha vindo trazer novidades. Odeio acordar antes do meio dia -- falou demonstrando irritação.

-- Bom dia Bob! -- tomou um gole da bebida e fez uma careta -- Não sei como consegue ingerir isso a essa hora da manhã?

-- Deixa de ser frouxo e fala logo o que veio fazer aqui.

-- Seja mais simpático comigo cara. Antes que eu mude de ideia e não te conte o que descobri -- falou cheio razão.

Os olhos de Bob se arregalaram em direção a Gustavo.

-- Encontrou a Isa? Onde ela está? Desembucha!

 

 

Na ilha.

 

O sol inundava com seus raios a ilha e o mar. Alexandra e Isabel estavam sentadas na varanda aproveitando a vista magnifica que tinham do lugar.

-- Não estou entendendo Isa. Onde estão todos? -- Alexandra estava confusa, não estava entendendo nada o que havia acontecido com os seus funcionários.

-- Esquece um pouco isso Xanda. Vai ver surgiu um imprevisto e eles tiveram que sair por algum tempo. Não faça julgamentos precipitados.

-- Claro que esquecerei -- falou irônica -- A única desculpa plausível que aceitarei, é que eles foram abduzidos por extraterrestres e não conseguiram voltar a tempo de fazer o café. Quaisquer outros motivos os farão perder o emprego -- falou irritada.

-- Não faz isso Alex. É um casal de idosos, tadinhos -- Isabel sentia-se culpada.

-- Por isso mesmo. Já tiveram tempo o suficiente para criar juízo -- olhou para a cara desanimada de Isabel e pegou em sua mão -- Isa, eu não quero parecer mau, mas tanto eu quanto você sabemos que o que eles fizeram foi errado. Eu não venho a essa ilha a mais de um ano, o mínimo que eles poderiam ter feito era ter me tratado com um pouco mais de consideração. Que absurdo a minha convidada ter que fazer o café da manhã.

-- Eu não me importei com isso meu amor. Por mim tudo bem...

-- Isa...

Alexandra parecia resoluta, e aparentava estar ficando ainda mais irritada com a direção da conversa.

-- Tudo bem Alex. Não vou mais me meter nesse assunto -- deu um selinho nela e se levantou -- Vou buscar suco para nós. Esse calor está de matar.

Enquanto caminhava até a cozinha, Isabel reunia forças para enfim ter a tão cruel conversa com Alexandra.

Caminhava como uma sonâmbula, sem ver nada, sem nada ouvir, sem coragem, sentindo-se desesperada.

Há pouco teve uma demonstração de como Alexandra agia de forma rigorosa quando não lhe tratavam de maneira correta.

Em questão de segundos ensaiou várias falas, mas todas soaram chocantes para ela mesma, imagina para Alexandra.

Pegou a jarra de suco, os copos e voltou para a varanda.

 

Alexandra a observava encher os copos com as mãos tremula. Sentia que algo não estava bem. Sentiu um aperto no fundo do coração, por vê-la abatida e nervosa. Sentiu medo, vontade de chorar. Ela queria dizer algo. Sentia isso, talvez tivesse se arrependido e não sabia como falar.

Lembrou-se do pai. Ele também se achava no paraíso e, no entanto... Não suportou a angustia e perguntou:

-- O que está acontecendo Isa? Estou te achando ansiosa, nervosa -- falou com um nó na garganta -- Seja o que for que queira me falar, por favor, fale agora -- pediu com uma voz estremecida, ansiando por uma resposta que a tirasse desse buraco escuro em que estava.

Isabel esfregou as mãos suadas e tremulas. Havia chegado o momento, não tinha como fugir.

Lembrou-se de uma frase dita por Rose no filme Titanic que se encaixava muito bem ao momento: "Eu me sentia como se estivesse em um grande precipício, sem ninguém para me segurar".

Era assim que Isabel sentia-se quando sentou ao lado de Alexandra no banquinho de madeira da varanda.

-- Alex -- tossiu limpando a garganta -- Eu te amo. Como eu te amo! As palavras não são capazes de descrever a magnitude do meu amor. Cada segundo que tenho vivido ao seu lado são únicos. Às vezes tenho a impressão que só existe eu, você e a natureza. Eu te amo em todas as transformações da vida, em todos os caminhos do medo, na angústia da verdade perdida e, na dor que se veste em segredo.

-- Eu também te amo na mesma proporção, mas onde você está querendo chegar? Isa não me mate de...

-- Espera... Escuta -- pediu quase implorou -- Quero que entenda que não sou perfeita, mas o nosso amor é genuíno, por isso é que peço que me entenda, ou ao menos, me escute. Pois desde que permaneçamos juntas, nada poderá nos derrotar! Viver sem você é impossível; eu posso parar de comer, de beber, de respirar, mas jamais de amar você! Promete que vai escutar a minha estória.

Alexandra estava atônita. Não sabia o que pensar, falar. Passou a mão pelo cabelo num gesto nervoso e olhou nos olhos de Isabel.

Amava tanto aquela mulher e se ela a amava realmente como dizia amar, nada no mundo iria afasta-la desse amor. Olhou para o mar, respirou fundo e olhando novamente para ela falou:

-- Prometo.

 

 

 

Nota da autora:

Acredito que não preciso pedir, mas mesmo assim vou pedir:

Quero a opinião de vocês. Podem comentar a vontade. Falar mal, brigar, discordar, concordar, mas quero que deem a opinião. Coloquem-se por um momento no lugar da Alexandra e me digam: Qual a atitude que ela deve tomar após a revelação da Isabel?

Vocês é que vão decidir como será o próximo capítulo. Combinado?

Beijos meus anjos. Amo vocês.

Vandinha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nome: rhina (Assinado) · Data: 21/05/2018 14:19 · Para: Capitulo 37

 

Escrito e consumado. 

O capítulo seguinte já está escrito e consumado  logo não será de grande valia o que vou compartilhar e mesmo que não estivesse concluído, meu jeito de pensar e vê as coisas é meio torto mesmo.

Vamos lá. 

Acho que Alex sabe e sente sincera e profundamente que Isabel a ama.

Agora. 

O que de fato  a vai dilacerar e destruir por dentro e por fora....é ela está amando como nunca  e pela primeira vez Uma Mulher de Programa.....uma Prostituta. ...alguém que remete a figura que no passado foi o fruto de toda sua infelicidade E dor....suas perdas e danos.

Mas se Alex conseguir separar a pessoa. ....a alma....da profissão. ...porque não é a profissão que tornou a mãe dela um ser sem.caráter. ...mesquinha....vulgar e criminosa.....isso tudo era a essência que sua mãe era.

Logo Isabel não é em essência o que sua mãe era. Mas perdoar Isabel implica dolorosamente perdoar sua mãe. ...não pelo seus crimes mas por sua profissão. 

Como Alex vai agir.....da pior maneira possível. ...mas confio 

Rhina



Nome: SSenseiGabii2 (Assinado) · Data: 02/01/2017 23:48 · Para: Capitulo 37

Se eu fosse Alexandra eu não perdoaria de primeira, eu iria querer que ela provasse de algum modo que realmente me ama



Nome: lucy (Assinado) · Data: 20/07/2016 00:52 · Para: Capitulo 37

Hora da verdade !!  torcendo pra ser positivo rs.....

muito boa estória, 

affz Gustavo e Bob ai ai ai....tem que quebrarem a cara pra aprenderem e a 

máscara de bom moço e amigo tem que cair desse sujeito Gustavo



Nome: juju952 (Assinado) · Data: 04/02/2016 00:42 · Para: Capitulo 37

A Alex vai fica uma ferra claro mais Isa tem que prova que a ama pois terá 3dias, as duas ja sofreram bastante merecem viver esse amor😍. Juntas irão acabar com gustavo e valentina, e a Alex vai ajuda a resgatar  a malù e as meninas.



Nome: lia-andrade (Assinado) · Data: 02/02/2016 21:35 · Para: Capitulo 37

Que difícil hein... mas vamos lá,  serão três dias presas na ilha. Então, de início a Alex vai ficar brava, falar palavrões e tudo e ai Isa terá que provar do seu amor por ela. Que realmente mudou e que quer ficar ao lado dela. E juntas irão ajudar as meninas que estão sendo mantidas presas. 

Mas espero que elas fiquem de bem nesses três dias e que Alex perdoe a Isa. Que o amor delas prevaleça. 

Beijão minha querida...



Nome: egilakaren (Assinado) · Data: 02/02/2016 20:36 · Para: Capitulo 37

Vandinha, sua história está muito boa. 

Em relação a atitude da Alexandra, acredito que ela irá fazer uma comparação com o passado dela e ficará decepcionada, mas não de Isabel, e sim dela. Por que se permitiu a viver esse amor e acabou se deparando com uma pessoa na qual ela não imaginara. Toda aquelas qualidades que ela levantara sobre Isa, acabou sendo tudo mentira. Dessa forma, ela acabara com tudo com Isa. No entanto, não irá destruir a Isa, apenas não quererá mais ve-la na sua frente, nunca mais. Mas Isa, irá conseguir provar seu amor dentre os 3 dias. Pois o que Alexandra sente é mais forte que ela. 

 



Nome: JanBar (Assinado) · Data: 02/02/2016 00:46 · Para: Capitulo 37

Vandinha, que honra e que responsa ajudar vc a decidir o futuro de Isa e Alex! 8-D

Acho que à princípio a Alex não vai reagir bem ao fato de saber que a Isa era garota de programa de luxo antes de trabalhar pra ela. Mas vai parar pra ouvir toda a história de Isabel. 

Vai saber o quanto ela teve que aturar o escroto do Gustavo e o fdp do Bob; como foi enganada e ingênuamente acabou parando em Angola, numa espelunca, presa junto com outras mulheres escravisadas e comercializadas pelo tráfico humano internacional; vai se emocionar com a forma que ela conseguiu fugir de lá e prometeu voltar para libertar aquelas mulheres; vai saber que Isa pretende denunciar o esquema do tráfico mas precisa de ajuda pois não sabe como nem o que fazer para isso acontecer; vai reconhecer a amizade de Isa com Simone e Tati e descobrir como ela foi parar na sua casa através da ajuda de Simone e Tati; e, depois de ficar furiosa com Ramon, André, Janaína e todo o pesssoal da ilha que colaborou com o plano de deixá-la "trancada na ilha" com Isabel por três dias, Alex vai reconhecer que ama Isa de qualquer maneira, que seu passado como prostituta não importa, que o trauma de seu pai não vai se repetir com elas e que ela fará tudo para ter Isabel para sempre ao seu lado e feliz e que a recíproca é verdadeira.

Tudo isso acontecendo em três dias!

Por mim, elas saem da ilha juntas e mais felizes do que nunca. Prontas para ajudar quem precisa e resolver todos os assuntos com Gustavo, Bob, e Angola, e depois começar uma vida nova, como casal! 

Pronto, falei! 8-D 

Bjs, Vandinha



Nome: jake (Assinado) · Data: 01/02/2016 13:34 · Para: Capitulo 37

Vandinha.......sabe acho q o amor delas eh um amor de almas...Isabel não planejou...ela foi enfermeira num momento de desespero estava sendo perseguida pelo bob e seus bandidos....apenas aconteceu...o amor e assim....acontece quando vc  menos espera confio em vc sei q vc tem o amor acima de tudo.....Nao acredito que vc vai deixar a Isa ir de volta pra Angola....pq ja q ela fugiu ter que voltar seria uma derrota pras meninas que lá estão e tbm ela ia sofrer mto pra servi de exemplo.....mais sei que esse nao eh o seu modo de escrever vc nao  gosta de sofrimento

VANDINHA   POR FAVOR  COLOQUE 99  POR CENTO  DE COMPREESAO   E AMOR  NO CORAÇÃO DA ALEX GIRANI 1 POR CENTO DE VAGABUNDO....CONFIO EM  VC FACA SUAS LEITORAS FELIZES.  TA NAS SUAS MÃOS

DIGO SUA CANETA RSRSRS

 

 

 

 

 



Nome: patty-321 (Assinado) · Data: 01/02/2016 13:18 · Para: Capitulo 37

Hum q difícil. Penso q a xanda vai ficar a principio pensando q está vivendo a mesma experiência q o pai. Vai ficar muito puta mas nao vai explodir. Vai ficar introspectiva. Vai depender de como a Isa vai se comportar depois disso e creio q a Isa nao vai deixa-la correr perigo. Vai armar uma arapuca para os pilantras e td isso vai servir como um teste p ver as atitudes de isa. Confio na autora q vai nos trazer emoções maravilhosas. Bj



Nome: jack escot (Assinado) · Data: 01/02/2016 13:16 · Para: Capitulo 37

Ola , q historia incrivel!! Bom minha opniao..

Eh natural q ela surte e solte sua furia .. Depois  isolamento mais  por decepcao porem ..acho q ela vai lembrar da mae.. Vai entender a decisao do pai e o amor q ele teve por  ela .. E pra se redimitir com seu passado.. Vai ajudar e proteger a sua amada. Vai entender q o destino as unil para concertar o passado dando assim um desafio  a si msm para  ;)



Nome: patty-321 (Assinado) · Data: 01/02/2016 13:14 · Para: Capitulo 37
Hum q difícil. Penso q a xanda vai ficar a principio pensando q está vivendo a mesma experiência q o pai. Vai ficar muito puta mas nao vai explodir. Vai ficar introspectiva. Vai depender de como a Isa vai se comportar depois disso e creio q a Isa nao vai deixa-la correr perigo. Vai armar uma arapuca para os pilantras e td isso vai servir como um teste p ver as atitudes de isa. Confio na autora q vai nos trazer emoções maravilhosas. Bj


Nome: NatySilver (Assinado) · Data: 01/02/2016 00:55 · Para: Capitulo 37

Nãoooo pode acabar agora :(

Porque sempre acaba na melhor parte??? rsrs

Pois bem, me colocando no lugar da Alexandra, bom eu não ia digerir isso nem a pau, é uma coisa muito forte pra se aceitar e ficar tudo bem. 

Mas levando em consideração que a Alex ama a Isa, acredito que ela no mínimo vai proteger a Isa não permitir que nada de mau aconteça com ela (mesmo que indiretamente) ao menos é o que eu tentaria fazer por uma pessoa que eu amo e está correndo perigo.

Pois bem, até o próximo capítulo ^^

Abraço :)



Nome: Day11 (Assinado) · Data: 01/02/2016 00:51 · Para: Capitulo 37

Qnta responsabilidade, decidir um capítulo! Fico lisonjeada. Então vamos lá, com certeza a Alex vai ter uma explosão, acusar a Isa e td mais, porém nestes dias q a Isa tem com ela, a Alex vai perceber q a Isa realmente a ama,  e com isso a Alex vai perdoala e dar uma boa lição no babaca do Gustavo e no pilantra do Bob.



Nome: lis (Assinado) · Data: 01/02/2016 00:26 · Para: Capitulo 37

Boa noite Vandinha, tudo bem? Bom é dificil a situação mais a Alexandra é uma pessoa justa e penso que após ela ouvir a Isabel e saber os motivos que levaram ela a essa vida e assimilando tudo, ela deve dar uma chance para a Isabel mostrar que o Amor que ela sente por ela é realmente verdadeiro e puro.



Nome: Unica (Assinado) · Data: 31/01/2016 20:08 · Para: Capitulo 37

Oi Vandinho... É uma situação complicada para as duas,  a decepção é inevitável,  mas a Alexandra é uma pessoa de coração puro então acredito que antes de resolver a situação das duas vai ajudar a Isabel a sair das enrascadas em que está metida, e este será um tempo precioso para as duas sentir o quão verdadeiro é o sentimento de ambas e que em nada se assemelha ao passado desastroso da Alex..... Boa sorte..... bjs



Nome: Ada M Melo (Assinado) · Data: 31/01/2016 20:03 · Para: Capitulo 37

acho que mesmo amanda a Isa a Alex vai pirar e não vai aceitar de jeito maneira, mas tenho um presentimento que ela Alex é quem vai salvar a Isa e derrotar esses bandidos....



Nome: BCanti (Assinado) · Data: 31/01/2016 19:43 · Para: Capitulo 37

Meu Deus, chegou a hora da verdade😰😟😰

1 - Alex tem todo o direito de querer mata-la e todos que a ajudaram... Mas ela vem mostrando que tá mudando enfim acho que ela vai ficar muito mal mas vai vê a verdade nas palavras de Bel(chamo assim😊).

2 - então a Isabel deve durante esses três dias fazer de tudo pra mostrar que a ama, mesmo quando ela não quiser  ( que eu sei que vai acontecer ).

3 -também queria ver a verdadeira  Alex,  frágil., insegura e amável que eu sei que é. 

Por fim confio em você minha autora. 😙😘😙😘😚



Nome: darque (Assinado) · Data: 31/01/2016 19:16 · Para: Capitulo 37

Vamos partir do principio que ninguém quer ser enganado. Então eu realmente acredito no amor, mas nesse caso, o fato de existir a experiência do pai, Alexandra não vai aceitar. Por isso caberá a Isabel conquista-la e provar a essência do amor que sente.

Bjs

Darque



Nome: Silvia Moura (Assinado) · Data: 31/01/2016 18:50 · Para: Capitulo 37

Bem, vejamos!!! Eu acho que você tem seu construir irretocável, e, de qualquer forma comentaríamos, é claro que a situação merece acuidade da parte de Alexandra, ninguém gostaria de estar na pele de nenhuma das duas, mas eu suponho Vandinha que você esteja nos mostrando nesse conto de como deveria ser uma mulher com hombridade, de como deveria ser o perfl de grandes seres humanos que liga para o Ser e não para o Ter... e partindo desse pressuposto, você delineou sua escrita para nos contar de como agiria essa Mulher nesses moldes, forjada a partir de uma consciência una com o Cosmo... acredito eu, que não deva ser fácil se enquadrar nesse viés estando rodeada de gente de toda espécie, porém ser nobre ainda é algo galgado por muitos, e talvez essa seja a característica mais fascinante na Xanda, e perdoar vai ser um fato, mesmo que doa, que sangre, que a faça reviver o que há muito tempo tinha deixado confinado dentro da alma... mas o grande ser é aquele que se permite ser tentado e não se deixa enveredar por caminhos torpes, tem já traçado dentro de si que a bondade é vital ao homem ou mulher de bem... trago em minha mente sempre uma Alexandra integra e cheia de autencidade, boa, consonante com o que se almeje numa grande mulher... desejo mesmo que ela tenha esse perfil, pois a Izabel, desde as primeiras linhas se sentia que ela era o anjo da estória toda... sem masi delongas autora, acredito que essa estória tenha uma segunda parte não é? A do resgate de almas enganadas, que são àquelas mulheres que se encontram em cativeiro na Angola - Africa, não me lembro bem...Em fim, são meras palavras jogadas ao vento.... Querida irmã, a Paz da Oraçao sua me acalma, me conduz por caminhos menos espinhosos, me reconstruindo...me reinventando...dentro do caos vislumbro a ordem...e você foi meu grande achado de 2015...fica na Paz...no Amor...em Deus... e que os laços de nossas vidas não se desatem... são nó(s) de amor e de irmandade... moro onde o amor me fez casa e me deu colo:você!!!



Nome: Taypires (Assinado) · Data: 31/01/2016 18:49 · Para: Capitulo 37

Eu sinceramente de início ficaria muito muito irritada e certamente nem deixaria ela terminar de falar, mas com a cabeça mais fria o amor iria prevalecer. Mas eu acho que seria uma excelente surpresa se a Alex olhasse pra Isa e falasse que já sabia ( já que ele tem muitos e muitos contatos) e dizer que estava testando se realmente era recíproco o amor de Isa por ela ou só interesse.



Nome: NayGomez (Assinado) · Data: 31/01/2016 18:43 · Para: Capitulo 37

Aaaaah cacete Mew como vc faz isso?!  E deixa eu ansiosa por essa conversa Kkkkkkkkkkkkk,  agora vamos ver o que vai acontecer só  espero que a Alex ao menos compreenda a Isa.... 



Nome: graziela (Assinado) · Data: 31/01/2016 18:08 · Para: Capitulo 37

Acho que a Alexandra deveria sim ficar brava de imediato,  afinal a Isa mentiu para ela,  mas ela conseguiu ver e sentir que a Isa realmente ama ela,  nesse caso 1 diazinho na ilha na companhia da Isa,  deve ser necessário para que a Alexandra pense em td, consiga digerir e tomar a sua decisão em favor da Isa claro.  😂 😍 

 

 



Nome: Simone (Assinado) · Data: 31/01/2016 17:19 · Para: Capitulo 37

Olá,  Vandinha! Bom, moça,  ja que pediu opinião...

Eu acho que devido ao passado de seus pais, Xanda, vai surtar... Talvez não brigar tanto com a Isabel,  mas ser tomada por uma apatia  e depois raiva. Raiva da vida por estar lhe pregando essa peça; raiva de si mesma por se deixar envolver dessa forma; e raiva da Isabel por não ter contado antes. Talvez ela se sinta usada, enganada, traída. 

Mas acho que a ficha dela vai cair mesmo, quando Isabel estiver correndo risco mais iminente. Quando Bob aparecer na jogada e Gustavo se mostrar sem nenhuma máscara. Ele tem muito a perder, só não se deu conta disso ainda.

Estou doida pra história mudar e de rumo e chegar o quanto antes na África.  Até  pensei deles conseguirem recapturar Isabel e Álexandra ter que entrar em ação para salva-la, e depois ajuda-la a resgatar as outras meninas. Tudo isso em meio a muita ação,  confusão,  conflitos internos, amor...

Acho que já palpitei demais. Rsrsrsr 

Beijos, moça e até a próxima!!!

Simone 



Nome: Leticia01 (Assinado) · Data: 31/01/2016 16:51 · Para: Capitulo 37

eu acho que a alex vai ficar p da vida mais como eleas tem tres dias, acho ela deve ouvir tudo e ajudar a Isa.

como dizem o amor suporta.



Nome: jull (Assinado) · Data: 31/01/2016 16:15 · Para: Capitulo 37

Vandinha claro que a Alex  vai ficar puta da vida no começo, vai se sentir enganada mas se ela ama a Isa como diz que ama vai saber aceitar e reconhecer  o amor sincero da Isa.

Isa vai ter sérios problemas com os caras do cartel, com aquele nojento do Gustavo e claro q ainda tem q ajudar as meninas que estão presas e sendo escravizadas,  portanto ela precisa muito da Alex e do seu amor .

Sem dizer que será muito divertido ver este bando de doidos resgatando as meninas.

Vc deu 3 dias pra Isa domar a fera 😂 agora seja boazinha e ajuda a Isa a conseguir está proesa 😉😉😉

 

Bjos 



Nome: Morena37 (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:53 · Para: Capitulo 37

Candinha VC TM matar o Gustavo e o Bobe de forma cruel. Alexandra tem sim q dar 1 oportunidade da Izabel mostra seu amor . Qnto aos xingamentos só deferi-los se VC separa las.. Adoro suas histórias te acompanho desde do outro site...



Nome: Pietra (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:51 · Para: Capitulo 37

Também te amo!

Alex precisa entender sua amada. Ela não pode abandonar Isa. Ela tem que entender e ajudar. Imagina Bob preso?

Deixa elas juntas. Sempre!

Beijos e bom domingo



Nome: Valelispresley (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:47 · Para: Capitulo 37

Gustavo...não queria estar na sua pele quando a Alex descobrir que você está entregando a Isa pro canalha do Bob...a poderosa independente de qualquer coisa não vai deixar barato! Nem a Sandra te salva dessa.

Ansiedade é pouco para os próximos capítulos 😁😁



Nome: Baiana (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:28 · Para: Capitulo 37

Culpar todas as mulheres pelo caráter (ou a falta dele) da mãe não justifica,concordo que a Alexandra vai ter toda a razão em ficar brava, por um momento se sentir enganada,mas ela não é criança e sabe e sente que o sentimento da Isa é verdadeiro e que os amigos jamais ficariam do lado dela se soubessem ou desconfiassem das intenções dela. Então, depois de xingar o mundo todo e falar o que quer e o que não quer, elas farão as pazes e no final o amor prevalecerá. As duas juntas e unidas serão mais fortes para derrotar o parasita do Gustavo e o mala do Bob



Nome: Valelispresley (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:26 · Para: Capitulo 37

Rita...que responsabilidade!!!

Mas digamos que eu fosse a Alex, só que com a minha cabeça...rs...

De inicio ficaria chocada 😲 com a história, puta de raiva por a Isa não ter contado...ai relembraria a história dos pais e perguntaria a Deus o porque de tudo isso de novo.

Depois tentaria esfriar a cabeça...pediria um tempinho para digerir todas aquelas informações...pensaria em tudo o que foi vivido por elas até aqui...nos meus sentimentos, no que a Isa a faz sentir, afinal ela e Isa não são o pai e a mãe, são pessoas diferentes...

Como ela mesma disse,ela precisa aprender a amar livremente, ter sua própria história...viver seu presente e criar um futuro. A Isa em nenhum momento tirou vantagem dessa situação...muito pelo contrário.

Alex, aceite a Isa, confie nela...deixa o amor entre vocês fazer o resto.

PS: A Alex odeia injustiça, então está ai uma ótima oportunidade de desbaratar essa quadrilha de tráfico de mulheres...por o Bob na cadeia e de quebra desmascarar o Gustavo também.

Aff...fiz um livro

Uma ótima semana Vandinha

Val;)



Nome: Mille (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:19 · Para: Capitulo 37

Creio que surtaria, ficaria decepcionada mais ainda assim tentaria entender a Isa e seu passado. Como diz nada nos vem por acaso, sempre tem um propósito. Para a Alex será duro ja que seu pai sofreu de amor e foi traído, mais creio que o amor delas superaram tudo, ela não deixara ninguém fazer mal a sua Bel, mesmo magoada e triste.

E o Gustavo entregando a Isabel ao Bob, momentos difíceis para nossa querida Isabel.

Bjus e um ótimo domingo



Nome: Nana2014 (Assinado) · Data: 31/01/2016 14:09 · Para: Capitulo 37

Vandinha sua linda... Tu és mara na escrita... Desejo-  lhe muitíssimo sucesso em tua vida e que este dom se peepetue...

Bom a Isa ta com muito medo... Mais acho que o amor sempre prevalece.. Acredito que a Alex vai pirar... Surtar mesmo porém o amor delas é maior que tudo... 

Acho que a mochila vai ajudar muito a Isa... E elas vão se entender.

Bjs e volte logo 

Amando cada capítulo...

Quando o amor é verdadeiro... Tudo conspira a favor....😃



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.