Delirium por TessaReis


[Comentários - 2880]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

Capítulo 30: - A Outra Rhian

 

Sobre Amelie Kesnar, Ariana sempre teve certeza de duas coisas: coisa um, ela tinha faro para as situações e sua intuição não costumava falhar; coisa dois, ela era teimosa feito uma porta e quando sentia que algo não estava certo... Ariana havia sido quase inocente ao imaginar que Andressa Harumi passaria por aquela porta tão facilmente.

            _ Tudo bem, tudo bem_ Amelie repuxou suas mangas, descobrindo seus punhos_ Você vai. Mas eu vou com você.

            _ O quê? Não! Como assim você vai?

            _ Você é advogada como eu, sabe muito bem que tal como você está indo para garantir a segurança da sua cliente, eu posso fazer o mesmo se solicitar.

            _ Sim, eu sei que você pode, mas estamos falando das Ilhas Virgens, não de uma ponte aérea até São Paulo! Elas estão em fuga, não podemos perder o rastro da Rhian, essas coisas levam tempo!

            _ Eu sei que você consegue com um telefonema. É interesse comum, meu, seu, da sua polícia. Estou concordando com a prisão da minha cliente, porém a ação anterior da sua polícia não me passa essa segurança toda da qual você está falando. É simples, doutora Harumi, ou você faz uma ligação e me consegue uma autorização, ou eu faço uma ligação e Rhian desaparece. Então, o que será?

            Andressa bufou, e xingou, e amaldiçoou Amelie Kesnar de todas as formas possíveis. Quem ela pensava que era? Quem ela...?

            _ Andressa, está perdendo tempo_ Disse Isis, revisando a denúncia que correria para entregar o mais rápido possível_ Se você quiser ir com a sua equipe em voo direto, precisa resolver logo.

            _ Mas de que lado você está, Isis?!

            _ Do lado das minhas clientes_ Ela respondeu, olhando Andressa de maneira definitiva nos olhos_ Nem você quer prender Rhian Kier sem a garantia da defesa dela por perto, se é que você me entende.

            Andressa engoliu, porque entendia. Isis sabia fazer uma ameaça como ninguém. Andressa tinha plena consciência que não deveria estar naquela equipe, não era ético, tanto que não estava indo como agente, e sim como advogada de Diana, mas, mas... Não havia tempo para argumentar, Andressa se viu encurralada a agir ou realmente não passaria por aquela porta. Então cedeu, e correu para fazer as ligações que precisava enquanto Isis agilizou para fazer cópias seguras das últimas provas trazidas por Amelie e no meio desta ação toda, Ariana discretamente arrastou Amelie para varanda. Isis observou, e seguiu no que precisava fazer que naquele momento era fechar o Caso Kier para apresentá-lo o mais rápido e condizente possível.

_ Tudo bem, você vai fazer alguma coisa, eu só estou tentando entender o quê.

_ Não vou fazer nada que Rhian não aprovasse. Ariana, ela não pode ser presa, isto é um absurdo!

_ Ela não pode mais continuar fugindo, Amelie, chega disso! Eu estou cansada, ela deve estar cansada, e a Diana está doente, você mesma contou sobre isso...

_ Ela cuida da Diana! Eu não acredito que... Você mudou de lado!_ E Amelie só queria saber o quanto aquela advogada na sala tinha a ver com isso.

_ Amelie, por que você é assim? Se não fosse por você, ela nunca teria levado essa loucura em frente!

_ O quê? Está achando que ela também forjou este sequestro, é isso?!

_ Estou falando da continuidade desta fuga. Estou falando...!_ E reduziu o tom, porque Isis e Andressa estavam bem ali na sala_ Do que fez este sequestro acontecer. Se não fosse o seu apoio, a Rhian nunca teria ido em frente nessa loucura!

_ Muito provavelmente, pra você é sempre melhor esquecer, não é? Aliás, você deveria também pôr o meu deslize nesta sua lista de esquecimentos!

_ Um deslize? Dois deslizes, não é?

_ Você jogou dois anos fora por um deslize! O mais engraçado é que você sempre tem perdão para tudo, menos para o que importa! Mas eu não perdoo, Ariana, Rhian não perdoa...!

_ Romeo também não, e então? Olha no que tudo isso deu. Eu acho que você ainda não se deu conta do quanto isto ficou perigoso, Kes, não é mais uma briga de Romeo e Rhian, não é mais uma disputa idiota entre irmãos, você sabe o que ela fez...

_ Você sabe o que ele fez! Ariana, não é apenas por aquela noite, é por todas as coisas que ele já fez!

_ Eu sei que é. E tudo isso é pelo o que a Rhian fez. Eu só quero que ela volte para a casa de vez. Kes, eu não aguento mais isso, sequestro, fuga, tudo já deu pra mim_ Olhou para Isis trabalhando na sala, não conseguia não olhar para ela por muito tempo, Amelie já havia notado.

_ O quanto confia nessa advogada?

_ Totalmente.

_ Mas está com problemas para confiar em mim.

_ Kes, por favor...

_ Ariana, eu mudei. Eu sei que não é hora agora e nem lugar, mas eu quero que você saiba que eu mudei em tudo, menos em ser louca por você...

Ah não, era isso que Ariana não queria ouvir.

_ Kes, realmente não é hora...

_ Eu sei, sei que não é, mas ao menos olha pra mim. Você não me olhou no olho nem uma vez ainda.

Não havia olhado. Ariana sempre teve uma coisa pelo jeito que Kes lhe olhava, uma queda enorme por aquele rosto atraente, não queria olhar. Mas achou que em nome dos dois anos de namoro que tiveram, Kes merecia ao menos um olhar. Ariana ergueu a cabeça e seu olhar encontrou o de Amelie, e ela imediatamente abriu um sorriso tão lindo que era totalmente impossível não se sorrir de volta. Ariana sorriu, inevitavelmente sorriu para ela.

_ Caramba, como você está linda..._ Foi o que saiu da boca de Kes fazendo o coração de Ariana dar uma tremida no peito. Nada de uma grande reação, mas ainda havia uma reação.

_ Tudo bem, a autorização foi concedida_ Disse Andressa, interrompendo aquele momento na varanda_ Mas, nós temos exatamente vinte minutos para chegar ao aeroporto.

_ Tudo o que eu preciso está aqui_ Respondeu Amelie apontado para a bolsa que havia trazido, e olhando para Ariana. Não acreditava que havia ficado com ela por algumas horas e já tinha que deixá-la_ Me espera voltar_ Pediu, e beijou-a na testa, porque era tudo o que queria fazer desde quando colocou seus olhos nela outra vez.

Ariana sentiu o beijo, e sentiu os olhos de Isis em si e se perguntou por qual dos dois motivos seu coração havia disparado. E teve uma resposta.

_ Tudo bem_ Respondeu, pondo uma distância discreta entre si e Amelie_ Não faça nada estúpido, Kes.

_ Eu espero que você honre o acordo que fez. Saímos em um minuto_ Lhe disse Andressa a deixando sozinha com Ariana outra vez.

_ É bom que ela honre o acordo que fez. Eu ainda não sei, você quer ligar para Erica para ela manter a Rhian tranquila ou alguma coisa assim?

_ Ligar para Erica? Kes, por favor, quem você acha que fez a denúncia?

***

Rhian suspendeu toda a medicação de Diana imediatamente e pediu uma tomografia computadorizada específica para fechar seu diagnóstico. Marnie tomou providências contra a bactéria no rim de Diana e de uma coisa Rhian fez extrema questão de fazer sozinha: cuidar dos pés de sua namorada. Levaria um tempo para se perdoar por aquilo, Diana havia reclamado de dores nos pés, mas Rhian não havia ouvido de fato, não havia parado para ver. As placas de colágeno estavam ali, tão espessas que duas já haviam aberto a pele, ulcerado, e Rhian se perguntava se Diana não havia contado porque não quis, ou porque sequer havia se dado conta. O que Rhian havia descoberto no cérebro dela dava margem para a segunda opção.

_ Como faremos isso? Se você estiver certa, o combate a bactéria fará mal para ela_ Era Marnie.

_ E a bactéria está fazendo mal para ela. Vamos monitorar a atividade cerebral e tratar a bactéria_ Disse, enquanto cobria as úlceras com muito cuidado_ Precisamos controlar o equilíbrio ácido-básico, a hidratação, e depois que a bactéria começar a ser combatida, fazemos uma desintoxicação mais apropriada.

Marnie ficou parada olhando para Rhian enquanto ela olhava para Diana. Melhor, enquanto ela seguia olhando para Diana. Rhian não tirava os olhos de cima de Diana desde quando haviam voltado da tomografia, há mais de uma hora.

_ Vamos mantê-la sedada, ela não vai delirar assim.

Ela não vai delirar assim. Rhian delicadamente terminou os curativos. Cobriu os pés de Diana, retirou as luvas descartáveis, respirou profundamente.

_ Conseguiu o que eu pedi?

_ A Thai trouxe mais cedo, está tudo aqui.

_ Você me ajuda?_ Ela perguntou com aqueles olhos bonitos abatidos.

É claro que Erica ajudava. Rhian pediu uns minutos para tomar banho, estava suja há mais tempo do que achava que podia suportar, tinha sal, poeira e pânico impregnado em sua pele e ela precisava desesperadamente se sentir limpa de novo. Fechou os olhos, sentindo a água escorrendo pelo seu corpo, havia uma dor constante em sua nuca, e seu corpo inteiro estava moído. Rhian gostaria de dormir. Por mais horas de tempo. Mas não podia. Não agora. Então saiu do banho e Erica deu um jeito de discretamente trancar a porta para vir ajudá-la no banheiro. Checou se os pontos que Diana havia feito em sua cabeça estavam corretos, e surpreendentemente estavam, e então ajudou Rhian com o cabelo, passou os produtos, ouviu dela como fazer a finalização e foi tudo o que Rhian falou. Ela estava calada, quieta, fechada. Enfim, estava Rhian.

_ Está na hora de lavar, deixa que eu faço isso.

Marnie a ajudou a lavar os cabelos na pia, novamente, silêncio. Por um tempo, Erica achou que soubesse ler esses silêncios de Rhian, mas com o passar do namoro que Rhian negava que haviam tido, descobriu que não. A mente de Rhian Kier era uma fortaleza de portas trancadas, impossível de se entrar. Ela enxugou os cabelos na toalha e então foi se vestir, um vestido confortável, limpo, Marnie havia providenciado, mas de alguma forma Rhian ainda se sentia suja. Ainda sentia o sal na sua pele, o suor, a pele de Diana ficando pegajosa na sua e o medo que aquilo tudo lhe causou... Voltou para os pés de Diana na cama, olhando para ela, o sol iluminava as cortinas brancas deixando o quarto num tom translúcido. E a consciência de Rhian também.

Foi quando a bahamiana desabou em si.

Rhian baixou a cabeça, tentando se manter, levando as mãos ao rosto em seguida, cobrindo seus olhos abalados e então respirou fundo, balançando a cabeça, escorregando as mãos pelos cabelos, consternada de pesar.

_ Eu... Eu não queria que terminasse assim..._ Ela disse, com a voz rouca e os olhos secos, Rhian parecia incapaz de chorar mais, sentia dentro do seu peito que não conseguia apesar da necessidade, apesar do sufoco, do nó em sua garganta que fazia seu corpo inteiro vibrar em negativa.

_ Não queria? Você descobriu o que ela tem, ela está finalmente recebendo o tratamento correto, do que você está falando?

_ Dela estar sedada, de ter levado dias para chegar num hospital, Marnie atiraram nela, quase atiraram de novo, eu joguei o nosso carro contra um muro, a levei para o meio do oceano, eu fui tão irresponsável..._ Correu as mãos pelo rosto novamente sentindo profundamente_ Nenhuma de nós deveria estar aqui. Se eu me meti nessa sozinha, deveria ter continuado sozinha, mas depois daqueles vinte e um dias de cativeiro ouvir a voz dela foi... A melhor coisa do mundo. Eu não consegui deixar ela ir embora. A minha namorada havia ido me buscar, dois anos depois ela estava ali, de volta, perto de mim. Eu achei que eu não era mais assim.

_ Assim como?

_ Egoísta. Eu só pensei em mim, não pensei nela, não pensei no quanto tudo isso podia ficar perigoso, não pensei na carreira dela, só... Fiz como sempre.

_ Tudo perfeito para que ela ficasse.

Havia feito. Rhian lembrou daquela briga que haviam tido ainda no chalé, por causa do passaporte.

_ É manipular também, não é?

_ Você sabe que é. Olha, eu não sei se você sabe, mas dias depois do que aconteceu naquela manhã a Diana me ligou. Eu já estava bem porque aquele é o tipo de confusão que sempre acontece no nosso grupo, mas a Diana ainda estava mal, queria me pedir desculpas, ela é uma boa moça, Rhian. E é mais nova que você, vem de um mundo completamente diferente do nosso, eu acho que você nunca parou para pensar no impacto que causou nela. Você a levou para casa num Audi conversível, uma moça do interior de Goiás recém-chegada ao Rio de Janeiro. Ela é linda, é segura de si, é inteligente, mas se apaixonou por você. Você faz ideia da pressão sobre ela? Ela até então era hétero, havia ouvido milhares de coisas sobre você, você tinha todas aquelas garotas pelo campus, eu sei como é, Rhian, eu namorei você. É muita pressão, todo mundo diz que você vai se ferrar, ao mesmo tempo que não dá para ficar sem você. E você nem foi perfeita para mim como foi para ela. E o medo, Rhian? Os dois medos. De você cansar dela e todo mundo ter razão?

Rhian quebrou em duas lágrimas que desceram daqueles olhos verdes e molharam aquele rosto quase sempre impassível. Estava errada, sempre haviam lágrimas guardadas quando se tratava de Diana.

_ Eu sei que você é louca por ela, e eu sei que ela tem um grande domínio sobre você, mas o domínio que você tem sobre ela...

_ Eu não quero ter domínio sobre ela, eu quero amar ela direito! Como eu faço isso?_ Mais lágrimas_ Porque eu sou para ela o melhor que eu consigo, mas ainda não é suficiente.

_ Confie nela, plenamente. Você está aqui pelas coisas que não disse, Rhian.

_ Eu disse as coisas e ela quase atirou nela mesma.

_ Olha o momento que você decidiu dizer, tem uma bactéria comendo o rim dela e toxinas mastigando as suas terminações nervosas, digamos que não foi o melhor momento, né. Rhian a pior coisa que pode se passar a quem ama você é te ver sofrendo, ou saber que você sofreu, porque não é algo que se passa a Rhian Kier.

Rhian ergueu seus olhos molhados para Marnie.

_ Quando se tornou essa pessoa?

_ Quando essa bitch me expulsou da sua casa e me fez cair em mim outra vez. O que você disse para ela?

_ Marnie, please...­_ Rhian não queria falar naquele assunto, não queria pensar naquele assunto.

_ Como você acabou sequestrada, Rhian? O que você fez?

Rhian respirou fundo, limpando o rosto daquelas lágrimas insistentes.

_ Eu não sou boa para ela. Eu sinto como se ela trouxesse à tona o melhor de mim enquanto eu trago à tona o pior dela.

_ É uma coisa sua, você também trouxe à tona o pior de mim, é da sua natureza. Eu sei o que você fez naquela manhã.

Rhian nem precisava perguntar qual manhã.

_ A sua mãe estava ligando o dia inteiro, eu estava te perturbando o tempo todo e a Diana estava em cima de você enquanto você não acreditava que nós duas estávamos fazendo aquelas cenas enquanto você tinha problemas de verdade para lidar. Eu sei que você não queria fazer o que ela pediu. Mas sei também que queria que eu fosse embora. Então puniu nós duas de uma vez só, me mandando embora na frente de todo mundo e dando a Diana o que ela havia pedido numa intensidade muito pior, para que ela se sentisse culpada.

Rhian sentou-se na poltrona apoiando os cotovelos sobre as coxas, fixando aqueles olhos verdes ainda molhados, pensando por um instante. E então suavemente, apoiou as mãos para trás, levemente se esticando, respirando fundo, deixando ver as pernas bem torneadas ao trazer um dos pés para sobre a poltrona enquanto se acalmava outra vez, tão naturalmente sedutora em cada movimento que Marnie se perdia. E Thai percebia. Os olhos daquela moça sempre acabavam dentro do quarto de uma maneira ou outra.

_ Aquele era um momento tão complicado... A minha mãe havia voltado das Bahamas decidida a dar uma lição no meu pai, havia descoberto algumas coisas que ele andava fazendo por lá...

_ A sua irmãzinha?

_ A minha irmãzinha_ Respondeu, se espalhando na poltrona ao se empurrar para trás. Aquele assunto ainda a perturbava, Marina sempre havia desconfiado da fidelidade de Joseph, mas nunca achou que ele teria herdeiros fora do casamento. Quando descobriu havia sido um golpe, para a própria Marina e também para Rhian.

_ Com quantos anos ela está agora?

_ Dezesseis, dezessete, eu não sei bem.

_ Qual o nome dela mesmo?

_ Lya. Eu acho que é Lya.

_ E você continua rejeitando os contatos dela?

_ Olha, eu já tenho o Romeo no meu pé tentando acabar comigo por causa de herança, não preciso multiplicar o estresse.

_ Ela é só uma menina, Rhian, que admira você, acho que isso te perturba mais do que deveria.

_ Talvez perturbe. Tudo estava me perturbando e eu estava com muito medo de perder a Diana no meio daquele turbilhão de coisas que estava prestes a explodir.

_ Por isso o pedido de casamento?

_ Eu pedi ela em casamento porque nós já estávamos casadas, porque eu sou louca por ela, porque ela é a única garota no mundo para mim. Mas confesso que também era uma maneira de me sentir mais segura. Eu não queria perder a Diana por situações além do meu controle.

_ E nem deixar ela conhecer a “outra Rhian”.

_ Mas ela conheceu de qualquer forma, e foi aí que as coisas ruins começaram_ E baixou a cabeça, pensando por um instante_ Mas é difícil pra mim.

_ Porque a outra Rhian também é você. Você é ruinzinha, Kier.

Rhian sorriu de cabeça baixa.

_ Eu sou um pouco.

_ Quando decide que não vai se importar, você não se importa. Quando quer ferir, você fere com duas palavras e quando quer esquecer de tudo o que fez, você esquece. Apaga da mente, finge que nunca aconteceu. Mas para a sua sorte, para a Diana, você é a garota má que salva o dia, então...

_ E ao mesmo tempo destrói quem ela é. Marnie, eu acabei com a carreira dela. Eu nunca conheci ninguém mais correta do que a Diana, ela nunca teve sequer uma multa de trânsito, ela é esquentada, é, você sabe disso melhor que ninguém, mas é muito correta, muito justa e agora... Ela está destruída. Todas aquelas tardes que ela passou no cursinho, todas as noites em claro, ela se esforçou tanto... Ela não esteve pensando direito, Erica, mas e agora? Quando acordar sem nada mordendo na cabeça dela?

Marnie olhou para Rhian de maneira diferente.

_ Rhian, você realmente está insegura sobre quando ela acordar? Diana Ferraz é minha heroína!_ Ela disse, explodindo num sorriso_ Ela te faz sofrer, te coloca no seu lugar, te deixa insegura, eu nem sei como lidar...

Rhian riu, estava falando sério e Marnie fazendo graça.

_ É sério, Erica. Olha, eu tive uma chance de fazer a coisa certa em Nassau, e então tive outra em Caicos e acho que estou tendo uma terceira chance agora. Eu descobri da pior maneira naquela manhã que infelizmente, eu não posso ter tudo.

_ O que você tem em mente?_ Marnie esticou a mão para pegar seu celular que começou a tocar.

_ Fazer a coisa certa por ela, não por mim. Quem é?_ Perguntou ao ver Marnie apertando o cenho ao olhar para tela.

_ Quem é?

E Marnie cruzou os olhos de Rhian para responder.

_ É... Você.

_ Eu?

_ É o seu número_ Mostrou a tela para Rhian_ Onde está o seu celular?

_ Eu não sei, eu..._ Tentou lembrar, havia caído no sequestro?_ Eu não faço ideia. Atende.

_ O quê?

_ Atende Erica, vai.

Erica a olhou como quem não entende nada. Mas atendeu.

_ Pronto? Sim, sim, sou eu... Quem?_ Trocou outro olhar com Rhian quando a voz se identificou_ Mas... Não, eu não sei... Não, eu... Como?? Ok, espera um pouco_ Tapou o celular com a mão e apontou para Rhian_ É pra você.

_ Pra mim? Como assim? Quem é? Quem sabe que eu estou aqui?_ Rhian ficou ansiosa.

_ Rhian, atende. Eu acho que você deve atender.

Rhian ponderou. E por algum motivo, decidiu atender. Levou o celular ao ouvido e não precisou de mais de duas palavras para saber quem estava falando. E então ouviu, ouviu por mais de quatro minutos sem dizer uma palavra, ouviu olhando para Erica uma vez ou outra e com os olhos grudados em Diana quase em tempo integral. Rhian ouviu, assimilou, e Erica pode ver a outra Rhian voltando para ela no decorrer daquela conversa de uma pessoa só. Os olhos secaram, o rosto se tornou impassível outra vez e Rhian achou que tinha poucas saídas no final das contas. Poucas, era verdade, mas talvez, apenas talvez, tivesse agora também a única saída que precisava. Rhian desligou e encostou a testa contra o aparelho, pensando por outro instante. E então decidiu.

_ Erica, você precisa fazer o que eu pedi.

Ela ainda não havia desistido daquela ideia? Marnie tinha certeza que já havia.

_ Você está parando de pensar outra vez...

_ Eu voltei a pensar, é só um telefonema, Erica.

_ É uma loucura, Rhian!

E Rhian parou a frente dela pondo aqueles poderosos olhos lindos dentro dos seus.

_ É a última coisa que eu peço.

_ É sempre a última coisa que você pede...

Então ela nem pediu mais, só fixou aqueles olhos dentro dos de Marnie e por que seu coração ainda reagia? Rhian era uma droga. Uma droga poderosa.

_ Você gosta das suas garotas insanas.

_ Eu gosto das minhas garotas comigo. Marnie, por favor, é realmente a última coisa que peço_ Era. Mas Rhian também dizia isso para todas que precisava.

Marnie mordeu a boca. Não era este o momento em que Rhian parava de falar e a convencia de outras maneiras? Era. Mas esta também era outra Rhian, a Rhian antes de Diana.

_ Eu... Eu vou ver o que consigo.

***

            Alto Paraíso de Goiás, um momento feliz.

 

Vento solar e estrelas do mar

A terra azul da cor de seu vestido...

 

_ Mas, para onde...?_ E Rhian perdia o fôlego subindo aquele morro em Alto Paraíso no meio do nada atrás de Diana_ Para onde você está indo?_ Porque Rhian já estava morta, sentindo cada um dos seus músculos em exercício enquanto de shorts jeans, camiseta e tênis de escalada tentava acompanhar Diana descalça e de vestido azul brincando feito criança pelos arredores do sítio de sua mãe. As belas chapadas de Alto Paraíso, o clima frio, mas gostoso, o cheiro de terra orvalhada e a voz de sua namorada fazendo Diana a garota mais feliz de todo o mundo.

_ Para o paraíso! Lembra disso, Rhian Kier, estou te levando para o paraíso!

E era tão engraçado ver Rhian tão esgotada, reclamando da altura, das pedras molhadas, da subida que não terminava, dos mosquitos que não davam folga, mas Diana a convencia a continuar, com beijos, sorrisos e olhos brilhando e entre um beijo e outro, de repente realmente alcançaram o paraíso. Haviam chegado no alto daquele vale em meio a vegetação verde-hidratada e Diana ainda corria a frente de Rhian, testando o fôlego que ela dizia tanto ter, aquele vestido curto de verão desenhando ondas no ar e os braços de Rhian a capturando, pela cintura, em seu abraço, em seus braços, em seu beijo sem fôlego e já com tanta saudade... Diana se perdeu pelos lábios dela, esticando-se pelo corpo de Rhian, se grudando contra ela enquanto aconchegadamente os braços de Rhian apertavam-se em sua cintura...

 

Vento solar e estrelas do mar

Você ainda quer dançar comigo...?

 Rhian sorriu após o beijo, ainda de olhos fechados.

_ Você me deixa zonza...

E mesmo mais de dois anos depois do começo do namoro, Rhian ainda deixava as pernas de Diana bambas quando a beijava assim. Mas Diana guardava em segredo, um segredo só delas, que só o coração sabia.

_ Bem-vinda ao paraíso, amor.

Rhian não conseguia acreditar no que via. Os vales a distância, uma imensidão perdida em beleza e natureza e estava tão claro o porquê que tanto se dizia que ali era a Terra do Paraíso... E era mais ainda com os braços do amor da sua vida enroscados em volta de sua cintura.

_ Diana, isso é...

_ Eu descobri este mirante quando tinha nove anos. Sempre vinha para cá sozinha, olhar os veados correndo ali em baixo, eles cruzam o vale o tempo todo. E também tem isso, você sente?

_ A energia intrínseca. Sinto sim.

_ A energia. Uma vez, bem ali, eu vi uma onça-pintada, uma coisa linda, enorme, poderosa, e também vi alguns lobos-guará e uma ema!

_ Ema? Está brincando comigo?_ Seguia a abraçando pelas costas, afundando o nariz no ombro dela, olhando para toda aquela beleza que as cercava.

_ Não, tem emas aqui!_ Respondeu sorrindo e se virando de frente, enroscando os braços no pescoço de Rhian_ E quando eu era pequena eu ficava andando por aqui o dia inteiro tentando ver uma girafa.

_ Uma girafa?_ Rhian não conseguia parar de sorrir_ Ai Deus, quando você soube?

_ Que elas nunca apareceriam? Eu tinha uns doze anos, e a Isis decidiu me contar. Você está suando nesse frio_ Se abraçou a Rhian, porque ela estava quente e Diana um pouquinho gelada.

_ Você está me matando neste frio_ Guardou-a nos braços, a esquentando enquanto sentia o cheiro dos cabelos dela_ Vamos comprar uma girafa pra você.

_ Vai me comprar uma girafa?_ Perguntou sorrindo com aqueles olhos brilhando.

_ Compro, vamos guardar no apartamento, temos espaço enquanto você se recusa a me dar um bebê...

Diana a beijou rindo muito, não acreditando nas coisas que Rhian lhe dizia e acreditando em tudo, em todas as coisas...

_ Minha mãe quer uma neta linda igual você, não sei como resolver.

_ Hum... Acho que vamos ter que desistir da girafa.

_ Desistir?

_ Uhum. Porque agora eu quero fazer um bebê em você...

E aquele vale perdeu o peso e flutuou no meio do paraíso, tão alto que passava as nuvens, tão branco que perdia densidade e afundava em névoa e vento solar... E de repente, os vales haviam desaparecido, mas haviam estrelas do mar, e Diana estava no iate, no meio do oceano, apesar das paredes estarem erradas. Os sons estarem errados. A dor estava errada. Era esquisito. Se arrastava pelas suas veias e doía num lugar invisível atrás de sua garganta como se coexistisse com aquele medo de não acordar...

Foi quando seus dedos acordaram e a seguraram pelo punho com tanta força que ela brecou.

_ Rhian... Onde ela, onde ela...?_ E sua respiração ofegante estava, Diana sentia o coração tremendo no peito e aquela dor chicoteando tanto... Lutou para abrir os olhos, mas era difícil, era pesado, mas nem precisava disso para saber que não era Rhian quem estava ali. Arrancou a máscara de oxigênio, se sentindo sufocada.

_ Calma, respira, respira...

_ Onde ela, onde ela...?

_ Shsssssss, você atirou no espelho.

No espelho? Diana havia atirado...?

_ No... Espelho?

_ É, foi só no espelho_ Erica escorregou sua mão para dentro da dela, podia sentir o coração de Diana batendo em seu pulso nervosamente_ Rhian está bem, está resolvendo algumas coisas, logo ela volta.

_ Erica?_ Era Erica?_ Ela, ela...?

_ Calma, fica calma, respira um pouco, aqui...

Marnie devolveu a máscara para o rosto dela, tentando acalmá-la, Diana estava nervosa, confusa e com sede, com muita sede e devia estar dormindo. Ela lutava contra sedação e de alguma maneira, estava ganhando. Então ela se acalmou, cansada, exausta, mas ainda tinha forças. A mão agarrada no punho de Marnie contava isso. Tinha força e estava com medo, claramente com medo.

_ Eu morri e estou encarando as minhas culpas?_ Perguntou, sentindo suas pálpebras cada vez mais pesadas.

_ Não_ Marnie riu_ Está num hospital, eu estou cuidando de você.

_ Está frio, Erica...

_ Eu vou pegar outro cobertor....

_ Não_ E agarrou o punho dela mais firme ainda_ Eu não quero ficar sozinha, eu não quero dormir, Marnie, eu não quero...

Mas ela dormiu. Dormiu e voltou a sonhar, com Alto Paraíso, com o verde do mar e estrelas solares, e então sonhou com tempos ainda mais para trás, e sonhou com Isis e com o dia que passaram correndo pelas terras da chapada, escorregando por uma linda cachoeira de águas esverdeadas e frias. E foi no alto de uma das pedras daquela cachoeira que Diana criou coragem para contar a Isis sobre Rhian.

_ Você tá namorando, não tá?_ Isis perguntou de repente, shorts jeans, biquíni, os cabelos molhados.

_ Como você sabe?_ Diana perguntou sorrindo, era pensar em Rhian e o sorriso surgia naturalmente.

_ É assim que eu sei!_ Ela respondeu também sorrindo_ Nunca vi você sorrindo assim. Ryan, não é? O namorado? Eu vi no seu celular.

Namorado, isso.

_ É, é Rhian.

_ Como se conheceram? Quanto tempo faz? Vai, me conta!

Me conta, ela dizia e Diana não tinha certeza se ela queria mesmo saber. Mas havia ido ali para isso, não havia? Diana arrumou coragem e decidiu falar de uma vez.

_ Então, a gente se conheceu na minha primeira noite no Rio.

_ Como assim, Diana? Está namorando este tempo todo e não me conta nada?

_ É que... Isis, foi mágico_ E lá vinha de volta o sorriso e os olhos brilhando_ Eu fui... Puxada por aqueles olhos, de alguma maneira, quando Rhian entrou naquela festa alguma coisa tremeu dentro de mim, eu não sei explicar. A minha garganta fechou, o meu coração abriu e a minha mente ficou bamba, estremecida, sem conseguir se manter de pé. E a noite estava linda, e_ Era hora de contar_ Os olhos dela são lindos, e o cheiro dela é maravilhoso e quando ela me abraçou eu não queria que ela me soltasse nunca mais.

Isis franziu a testa assim que seu cérebro processou aquelas frases.

_ Ela? Você disse ela?

_ Rhian é uma garota, Isis. E eu estou completamente apaixonada por ela...

            Isis não disse mais nenhuma palavra. Nem positiva, nem negativa, ela simplesmente levantou, desceu daquela pedra e saiu andando.

            _ Isis? Isis!

            Mas não houve conversa, Isis saiu andando na sua frente rápido demais e Diana não conseguiu alcançá-la, a perdeu no meio da trilha e quando conseguiu chegar até o jipe, ele não estava mais lá. Isis havia a deixado sozinha naquela trilha. Diana pensou, pensou e não tinha muitas alternativas a não ser caminhar, o que levou quase três horas de tempo e quando finalmente conseguiu chegar em casa, Isis também não estava lá. Sua mãe disse que ela havia entrado, pego uma mochila e saído e Diana não soube bem o que pensar. Ficou sentada na varanda, olhando os montes que circulavam o sítio, era a única casa num raio de três quilômetros. Era silencioso, e apaziguador, mas Diana sentia-se tão estranha por dentro que nem conseguia apreciar. Era tão ruim assim? Estar apaixonada por uma mulher?

            _ Filha?_ Sua mãe apareceu na porta quando o sol começava a se pôr.

            _ Mãe, é tão ruim assim?

            _ O quê?

            _ Estar apaixonada por uma mulher_ Olhou para sua mãe_ É muito ruim pra você?

            E Hanna reagiu tendo um ataque de risos. Ela era tão nova que parecia irmã de suas filhas e aquele final de tarde regado a conversa e perguntas constrangedoras mostrou a Diana que na verdade, não era tão ruim assim não. Isis que era difícil, havia puxado ao pai e Hanna se perguntava em qual momento havia perdido a conexão espiritual com sua filha mais velha.

            _ Ela é o seu pai. Mas em algum momento vai se dar conta disso, vai se olhar e perguntar para ela mesma quem ela é_ Lhe dizia sua mãe enquanto tomavam um chá quente já de noite naquela varanda_ Você já está nesta fase.

            _ Você acha, mãe?

            _ Diana, você está namorando uma mulher. Coisa que seu pai nunca vai aceitar. Isso é se encontrar, parar de se importar com o que os outros vão pensar e passar a focar no que faz você feliz. Você não fará ele feliz, mas estará se fazendo feliz. É um pouco egoísta, mas é assim que nós encontramos com nós mesmos, e foi assim que eu perdi vocês duas, em busca de mim mesma. Eu teria ficado com vocês duas, e ainda me encontraria, mas com o seu pai... Era impossível. Tudo tem um preço, querida. E você nunca estará completamente feliz. Mas quando as infelicidades se justificam pelo encontro consigo mesmo, ela se torna aceitável. Você entende, meu amor?

            Diana achava que ainda não. Mas jantou com sua mãe e foi dormir. Olhou a cama de Isis ao lado da sua. E ficou rolando até que o sono de alguma maneira a pegou.

            Ao menos até alguma coisa pegar o seu calcanhar no meio da madrugada.

_ Diana? Ei, acorda, acorda...

            _ Hum...?

            _ Acorda! Eu quero falar com você, acorda vai...

            Diana abriu os olhos pesados e encontrou Isis sentada em sua cama, ainda com roupa de balada hippie, vestido solto, pés descalços, o branco lhe caia tão bem. E ela parecia relaxada, relaxada de uma maneira inesperada.

            _ Isis? Pra onde você foi?

            _ Não importa, eu fui... Ser Isis por aí. Mas já voltei. Me fala dessa tal garota, vai. A que tem nome de garoto e é toda mágica e cheirosa e te deixa zonza.

            Diana abriu um sorriso enorme.

            _ Sério?

            _ Claro que é. Vai, me conta dessa paixão, eu quero saber. Quem é essa garota que anda te fazendo tão feliz?

            Era Rhian. A garota que a fazia tão feliz, que a fazia tão bem, era Rhian e ninguém no mundo nunca seria igual...

            _ Rhian? Rhian!_ Diana acordou com sua própria voz gritando e com uma mão agarrando na sua junto daquele cheiro que ela nunca esqueceria.

            O cheiro de sua namorada.

            _ Aqui, aqui, calma meu bem, eu estou aqui_ E ela se abaixou pertinho do rosto de Diana ao lhe fazer um carinho nos cabelos enquanto abria um sorriso maravilhoso que imediatamente aumentou os níveis de serotonina no cérebro de Diana... Rhian estava ali ou só estava na sua cabeça?

            _ Rhian...

            Rhian respirou fundo e beijou a testa de Diana, intensa e longamente.

            _ Você deveria estar dormindo sua teimosa, mas eu estou tão feliz em ver você acordada..._ Ela completou sorrindo daquele jeito bonito. Rhian estava ali e estava linda, linda de morrer, vestida toda de preto e com os cabelos alisados em suaves ondas claras... Rhian estava loira, e desta vez não havia apenas mudado de cabelo, havia mudado de etnia_ Como se sente, my pretty pretty pretty girl? That I never see so pretty_ Falou com aquele sotaque lindo fazendo Diana sorrir de graça.

            _ Bem_ Não chegava a ser mentira, Diana sentia dor, mas era uma dor que chegava a ser confortável ao lembrar da última_ Eu atirei...?

            _ No espelho, e eu realmente passei a duvidar daquela sua identificação de agente federal..._ Disse, fazendo Diana rir mais um pouco.

            _ Eu costumava ser normal antes de você voltar...

_ Eu sei da sua normalidade.

_ Sou eu que não sei mais dela. Rhian, nós não podemos ficar aqui...

_ Shssss, tudo está bem, aliás, tudo está muito bem. Eu tenho novidades para você. Adivinha? Eu peguei o monstro dentro da sua cabeça.

_ Você...?_ O coração de Diana disparou no peito e ela não tinha certeza se queria ouvir ou não_ Você já sabe o que eu tenho? Eu tenho...?

_ Não, não tem, eu te prometi outra doença, não prometi? Então.

_ Eu não tenho...?_ E Diana achou que fosse chorar.

_ Não tem. Há uma coisa na sua cabeça, mas não é câncer, é algo que nós já estamos controlando e que foi causado por uma condição chamada Esclerodermia Sistêmica.

_ Esclerodermia...?

_ É um quadro causado por uma alteração de colágeno. É uma doença autoimune, o que causa uma bagunça no organismo, eu acredito que tenha começado quando nós ainda estávamos juntas_ Ela falou, acariciando os cabelos de Diana_ Eu lembro que você teve problemas no estômago, reclamava de queimação, engasgava, foi o começo da sua confusão interna. Doenças autoimunes enlouquecem o organismo, que tenta se defender e vez ou outra acaba piorando tudo ao atingir órgãos importantes. Deve ter começado pelo seu estômago, e então foi para o esôfago, irritando o seu corpo que começou a tentar se defender.

_ Então... É tudo um problema de colágeno?

_ É a primeira coisa. A Esclerodermia enfraqueceu seu corpo a ponto de uma bactéria quase inofensiva fazer muito mal para o seu rim, o que causou o choque séptico de agora, e também explica o fenômeno de Raynaud, que causa uma cor azulada nos seus dedos, já aconteceu antes, não aconteceu?

_ Só no frio.

_ Só no frio, isso. E a esclerodermia também explica esta cor incomum na sua pele e também as placas de colágeno nas plantas dos seus pés, você não percebeu que havia alguma coisa nos seus pés?

_ Uma coisa nos meus pés? Eu achei que eram calos. Eu sempre tive calos.

_ Sempre teve. Tão linda, o pé precisava ser feinho, né?_ Disse, fazendo Diana sorrir mais apesar de dor.

_ Então é isso? Eu não estou louca?

_ É claro que não, meu bem. A Esclerodermia deixou seu corpo confuso, inflamado, vieram as dores de cabeça, as febres altas e você começou a tomar todos os remédios possíveis, estou certa?

_ Nada funcionava. 

_ Eu conheço você, sei que deve ter tomado de tudo, misturado os médicos e os remédios, e então eu comecei a medicar você com drogas ainda mais fortes e tudo ficou mais intenso. O monstro na sua cabeça chama Encefalopatia Tóxica.

_ O quê?

 _ É uma inflamação cerebral causada por intoxicação química. Você misturou remédios fortes e isso machucou seu cérebro. A Encefalopatia Tóxica pode causar dores de cabeça, alteração do equilíbrio, amnésia, convulsões, alucinações, delirium.

_ Delirium?

_ Você não estava delirando, estava em delirium. E apesar dos seus episódios de delirium serem muito divertidos, sinto muito em te dizer que você nunca mais os terá.

E Diana sentiu aquele mundo branco tomando o peso de um floco de neve...

_ Nunca mais?

_ Nunca mais, meu bem, nunca mais.

Diana agarrou a mão dela e fechou os olhos, respirando fundo, sentindo um alívio tão grande por dentro que nem sabia explicar.

_ Não está me escondendo nada? É só isso?

_ É isso, meu amor, eu nunca enganaria você. Não há cura para doenças autoimunes, mas há controle, você vai ficar bem.

_ Nós vamos ficar bem? Rhian, sobre o que você me contou...

_ Shhhhhsss, você não tem que pensar nisso agora. Olha, você precisa dormir...

_ Eu não quero mais dormir, Rhian...

 

_ Vai dormir só um pouco mais. Para estabilizar o seu rim, para acalmar o seu cérebro, e eu vou ficar cuidando de você o tempo inteiro. E quando você acordar, estará segura, sem dor, sem medo, sem doença nenhuma_ E ajustou a medicação para correr mais rapidamente para a veia dela_ Confie no seu herói_ Ela sussurrou, e foi a última coisa que Diana ouviu.

Notas finais:

Meninas, como vcs estão? Algumas mudanças na história e juntamente com isso uma nova capa das nossas meninas 'Aris'. Estou sentindo imensamente a falta de muitas garotas que deixaram de me visitar nos comentários com dicas imprescindíveis e muito carinho nos elogios. Cadê vcs meninas?! Mas tbém não posso deixar de trazer meu muito obrigada a todas que estão aqui todos os capítulos, minhas lindas leitoras. 

Beijos no coração de cada uma de vcs! 



Comentários


Nome: Carmen (Assinado) · Data: 01/09/2016 04:56 · Para: A Outra Rhian

Oiiii! To indo mais devagar porque to resistindo a ideia de alcançar e ter que passar uma semana em quase agonia. Sou ansiosa nesse nível.

Vou ser justa, porque da mesma forma que fui dura com o comportamento da Diana lá atrás, achei fofo ela ter ligado e pedido desculpas dias depois. E Rhian bem errada. Os mil problemas na cabeça dela ainda não justificam as atitudes que ela teve com a Marnie. 

Não estranhe as minhas defesas ou apego repentino a alguns personagens secundários, as vezes eu gosto bastante e acaba acontecendo isso. E ainda tenho a mania de defender o lado que eu acho mais fraco, seja contra os leitores, os autores ou os presonagens. Hahahahahaha. 

Nesse, meu apego foi pra Marnie. Que pessoa bacana (exceto se ela tiver denunciado a Rhian, o que eu acho que até pode ter acontecido, mas a pedido da própria. Ou foi a namorada dela). O único defeito dela é que ainda não desapegou da Rhian. 

Rhian maravilhosa descobrindo o que a Diana tem. Confesso que eu entendi vários nadas sobre a doença em si, mas entendi que tem controle e Diana vai mehorar.  

Outra que gosto muito é a Kes. Eu ri dela se impondo pra salvar a amiga. Pessoas fiéis assim, tem o meu amor. Essa fidelidade quase infantil para defender  um amigo. Tipo: "Voce mudou de lado?". Hahahahaha, sou dessas. Óbvio que o mesmo não se aplica a fidelidade dela com a Ariana. Palhaçada. Ainda gosto dela, e talvez se fosse a história das tres, eu pudesse entender melhor os atos dela, mas já entendi que Ariana e Isis deu match. Quem sabe Kes e a japa irritadinha não possam ser uma possibilidade no futuro? Viagem juntas e tals. Vai que né? 

Amando toda a história e a sua simpatia sempre. Adoro autores assim, educados e sempre gentis e abertos a comentários longos e as vezes a críticas tb. 

Até o próximo coment com delay! 

PS: Ainda curiosa com esse segredo da Rhian, que claramente Kes e Ariana conhecem. 

PS2: Eu não entendi bem o lance dos capítulos surpresas, mas meu e-mail é esse: sandiegocarmenj13@gmail.com



Resposta do autor:

Carmen, por algum motivo deste mundo, de alguma forma muito inexplicada e imperdoável EU ACABEI DEIXANDO PASSAR ESTE COMENTÁRIO MARAVILHOSO!!!

Tem como me perdoar? Please? Eu olhei a data agora e senti uma coisa no meu coração, desculpas, desculpa mesmo!

 

Agora indo para o seu comentário que é maravilhoso diga-se de passagem, todas nós fomos duas com a Diana, porque naquele momento só dava para ver um lado da história, né, pela Rhian ser sempre tão maravilhosa a gente não imagina que ela tenha este outro lado complicado, que acabou pensando em cima da Diana desde o começo, causando atitudes e situações que nenhuma das duas aprova.

Diana foi dura com a Marnie, porque a Rhian foi dura com as duas, estar entre duas mulheres fortes pode ser tanto maravilhoso como perigoso, e Rhian se pôs entre as duas e decidiu punir as duas por um sentimento seu. Marnie é uma personagem muito humana, vimos pelos breves momentos que tivemos na companhia dela, e é uma personagem que evoluiu depois deste problema, merece nossos créditos.

Kes tbem é maravilhosa ♥♥♥ Fiel até a morte haha Não importa o cenário da situação. Ariana tomou um lado, um lado que ela achou de verdade que fosse o melhor para a Rhian, ela tem uma atitude diferente da Kes, são como uma revolucionária e uma pacifista tentando trabalhar juntas, mas o caminho para o mesmo fim são opostos.

E vc acabando comigo nestas linhas finais quando diz que eu sou simática e gentil, e aberta quando de alguma maneira, perdi este comentário :/ Estou mal, me perdoa mesmo, please :/

PS: Espero que o segredo da Rhian não tenha decepcionado :/

PS2: ACABEI DE TE ENVIAR TODOS OS EXTRAS DO MUNDO IMPLORANDO PELO SEU PERDÃO, pra vc vai funcionar assim, vai receber todos os extras de uma vez haha Beijos! Mande sinais se me perdoou please :/



Nome: Maria Flor (Assinado) · Data: 26/08/2016 00:36 · Para: A Outra Rhian

Oi, Tess!!

Hoje tô "maratoneando" a história, haha.

Não sei se dá pra dizer que foi a Marnie quem dedurou a Rhian. Ainda acho que pode ter sido a tal Thai. Ou até mesmo a Rhian, num momento de desespero. Ou a Marnie, a pedido da Rhian... Prefiro aguardar a confirmação.

Esse foi um capítulo cheio de revelações: 

A) realmente tinha algo por trás da expulsão da Marnie. Finalmente acertei mais alguma coisa, hahaha;

B) Thai não está tranquila com o aparecimento da Rhian;

C) Rhian tem uma irmã que até agora não deu o ar da graça;

D) Rhian é a heroína da Diana, mas a vilã de muitas outras pessoas.

E tem um trecho que levarei pra vida: "Isso é se encontrar, parar de se importar com o que os outros vão pensar e passar a focar no que faz você feliz". AMEI.

Quem ligou pra Marnie sabendo que ela estaria com Rhian? Se o celular estava com os sequestradores, devemos concluir que foi Romeo ou Kiria?

Mas se sabem que elas estão juntas porque avisar, já que a intenção é matar a Rhian? Tornar a caçada mais interessante? Essa ligação tá muito estranha. Teremos resposta em breve?Mistérios e mais mistérios...

Beijo grande, minha linda!



Resposta do autor:

Oieeee Maria!

 

Seus comentário voltaram hahaha Já tava triste aqui, tinha sumido td O.O

 

Vamos aos seus tópicos, adoro comentar por tópicos rsrs

 

a) Acertou novamente, havia mais por trás da tal expulsão impetuosa haha

b) Thai está meio chateada, descobriremos o tanto logo logo ;)

c) A irmãzinha da Rhian o/ Ela não curte o assunto como vimos né rs

d) Rhian é somente heroína para a Diana, vc matou toda a charada, ela realmente é perigosa para muita gente

e) Adorei o trecho que vc destacou!

f) Suas colocações finais tbem estão perfeitas *.*

g) Recebi seu e-mail só agora, vou te responder lá, tá

 

Beijos, amiga!!! Saudades de vc demais, demais *.*

 



Nome: isa_bela (Assinado) · Data: 04/08/2016 00:00 · Para: A Outra Rhian

Amelie e Ariana sabem de algo que eu tbm quero sabeeer! hahahaha

Aliás, dona Amelie não vai desistir, né?

Nossa... A Marnie foi na jungular da Rhian sem dó nem piedade, eita! O.O
Foi cirúrgica (sem trocadilhos hahaha) na análise e nos mostrou a outra Rhian. Só amor não basta, a gente pode se atrapalhar com todas nossas inseguranças, nossos comportamentos destrutivos. Que perspectiva legal a sua história pra falar de amor e os percalços desse caminho de crescimento! *_*

O sonho meio flashback da Di <3 <3 <3
E a Isis hahahahahaahahahaha eu ri dessa mulher.


Saudades da Diana acordada, sério! 


P.S: O que eu vou fazer quando acabar? Vai ter mais Tess por aí pra gente ler? Você vai ter coragem de fazer isso? Vir aqui, compartilhar essa história incrível e nos deixar? T_T

Bjo Tess!



Resposta do autor:

Oieee Isa!

 

Amelie e Ariana sabem de algo que agora a gente já sabe tbem hahaha

E não, Amelie não vai desistir, não será tão fácil ;)

 

Marnie teve um momento de redenção total. De fecha de ciclo, ela falou tudo o que estava entalado há anos e que lá atrás, naquele momento, ela não teve condições de assimilar e dizer. Mas agora, com a vida nos trilhos e os pensamentos organizados ela pode pôr para fora ajudando a Rhian a se olhar da forma que ela realmente era, e a forma que ela é agora. Ela mudou, mas ainda há semelhanças com aquela outra Rhian, há resquícios, há coisas que vão e voltam, ela cresceu, está diferente, mas em muitos aspectos, ainda está mudando, melhorando, enfim, ela quer aprender a amar direito :)

Isis sendo Isis no flashback hahahaha

E pode deixar que nossa heroína irá acordar logo logo, viu? ^^

P.S: Quando acabar vc vai ficar me mandando energias positivas para eu desenrolar Mediterrâneo, a nova ideia que está querendo tomar forma aqui na minha mente :) Se depender de mim, não separo de vcs não hahaha Só se me bater uma crise permamente de inspiração, adorei essa experiência aqui no Lettera, de verdade ♥

 

Beijos!



Nome: JessNessa (Assinado) · Data: 02/08/2016 03:21 · Para: A Outra Rhian

Aaaahh. Estou adorando essas explicaçoes medicas kkkk. Ja tava agoniada.

Espero q Arian esteja decidida por Isis. Mas da uma do da Kesnar



Resposta do autor:

Olá moça!!!

Caprichando nas explicações médicas pq tenho duas que me leem hahaha

Acho que a Ariana está meio como vc, decidida pela Isis, mas com dó da Kesnar rsrs

 

Beijos!



Nome: Dra RMC (Assinado) · Data: 01/08/2016 22:16 · Para: A Outra Rhian

Capítulo perfeito....

Olha essa capa 😍😍😍😍

bjs sumida



Resposta do autor:

Oieeee doutora!

 

Capa linda, hein? ;)

 

Beijinhos! Juro que retorno logo logo, blindagem tecnologica para eu dar um up nos capítulos antes de viajar ^^



Nome: annagh (Assinado) · Data: 01/08/2016 00:24 · Para: A Outra Rhian

Oi Tess...boa noite!!!

Bom, vou começar falando de Ari e Amelie, como assim Ari sentiu reações ao olhar para Amelie??? Não gostei disso!!! Isis precisa marcar ainda mais seu território. É muita hipocrisia  de Amelie dizer que foi “apenas um deslize”. Quem ama não trai (não importa a situação e nem o lugar), é o que penso. Espero que Ariana tire logo os vestígios de qualquer dúvida com relação aos seus sentimentos por Isis. E que vanha logo essa tão esperada “noite INTENSA de amor”!!!

Feliz por Diana está finalmente sendo medicada de forma correta. E quantas revelações nesse capítulo!!!  Rhian tem uma irmã!!! Curiosa pra saber o que houve entre Romeo e Rhian. E essa ligação??? Quem era afinal???

Minha parte preferida, sem dúvida, foi esse sonho lindo de Diana relembrando esse momento magnifico em Alto Paraiso..rsrrsrs...Diana dizendo que quando era criança andava o dia inteiro naquele “paraiso” na esperança de vê uma girafa..kkkk..que gracinha!!! Esse diálogo das duas foi todo fofo, lindo, impossível não sorrir com tanta doçura e amor entre essas duas. Dá vontade de morder de tão fofas que são.

Eu tava com medo da reação de Diana quando acordasse e desse de cara com Marnie...que bom que deu tudo certo. Gosto dessas cenas onde mostra a Diana mais humana, mais sensível.

Rhian loira e de cabelos lisos...é assim que sempre imaginei Rhian...mas com a pele bem morena, da cor do pecado sabe...dá até arrepio só de imaginar!!!

E meu coração se aperta cada vez que chega o final de um capítulo. Vai ser difícil eu me separar dessas duas....quero vê logo o desfecho de toda essa história e ao mesmo tempo não quero que acabe. Confuso isso né?

Beijo.

 

 

 



Resposta do autor:

Oieeee Anna ♥

 

Anna e seus comentários lindos como sempre, vamos lá!

Deixa eu defender a moça Ariana aqui, ela sentiu uma coisa, uma coisa não nomeada que é aquela coisa que ex marcante causa na gente hahaha Ainda mais uma ex que marcou tão negativamente, Amelie tem consciência do que fez, mas sua personalidade sempre dá um jeito de minizar tudo, como se pudesse minizar danos fingindo que pode reduzi-los, enfim, personalidade Amelie Kesnar rsrs

Noite de amor sendo providenciada viu ;)

Capítulo respondeu algumas coisas e deixou outras no ar só pra gente não perder o costume rsrs Rhian tem uma irmãzinha, mais um assunto mal resolvido e tudo o que posso adiantar é que quem ligou, foi a pessoa mais inesperada que ela poderia imaginar...

E vc viu que coisa fofa a Diana? hahaha Imagina a cena, uma garotinha de oito anos correndo descalça e descabelada procurando uma girafa no cerrado, tadinha rsrs

Diana acordou controlada e de volta a sua mente, ela não esperava ver a Marnie por ali, mas reagiu humanamente, mais do que isso, reagiu humildemente. Esta é a Diana por quem a Rhian se apaixonou :)

Rhian linda de morrer e nosso conto chegando ao fim :/ Tbem ando conflitada com a ideia :/

Beijos minha ruiva!



Nome: NayLove (Assinado) · Data: 31/07/2016 03:48 · Para: A Outra Rhian

Mais um capítulo fantástico parabéns, to amando,e ansiosa para o próximo rs 😍😘😘d84;



Resposta do autor:

Oieeeee Nay!

 

Capítulo novo a disposição logo logo ^^

 

Beijos!



Nome: mtereza (Assinado) · Data: 30/07/2016 17:44 · Para: A Outra Rhian

Amo cada vez mais essa historia e suas personagens lindas inteligentes e sedutoras ansiosa pela noite de amor entre Isis e Ari adorei a capa com as duas bjs Tess 



Resposta do autor:

Olá Tereza!

 

Noite de amor entre Isis e Ariana sendo escrita nesta exato momento haha

Capa ficou fofa, né ♥

 

Beijinhos!



Nome: line7 (Assinado) · Data: 30/07/2016 04:14 · Para: A Outra Rhian

Kk..Isis sendo Isis..rss.. nossa eu acho tão bom quando o Seu jeito de encarar as coisa a sua perssonalidade se defenida como única..rss..no caso Da ISIs.. me lembro das minhas Amigas falando Aline sendo aline..rss(Bruta as vezes, sincera de mais no entanto um exagero... 😅) o capitulo maravilhoso, tudo se desenrrolando..hehe😏. Até mais linda😚 abraço🎉



Resposta do autor:

Oieeee Line!

 

Isis tem personalidade definida, reta, direta e justificada haha

Capítulos finais, todas as coisas sendo esclarecidas, mais capítulos como este pela frente ^^

 

Beijinhos!



Nome: Amandha12 (Assinado) · Data: 29/07/2016 21:26 · Para: A Outra Rhian

Nossa!  Capítulo perfeito!  

'Aris' estão lindas na capa *---*

 O que a Rhian pretende fazer hein?? Ela foi perfeita com a Diana, a história me prende a cada capítulo! 

Beijão Tessa!



Resposta do autor:

Olá Amandha!

 

Nossas lindas moças na capa num momento intimo dos próximos capítulo ;)

 

Rhian sendo linda e perfeita é o natural dela :) Mas tbem é o natural a gente nunca saber qual será o próximo passo dela, veremos haha

 

Beijos!



Nome: sonhadora (Assinado) · Data: 29/07/2016 19:21 · Para: A Outra Rhian

Oi Tessa, na verdade eu ainda não tinha comentado aqui no Lettera, mas no face. Esse é apenas um apelido carinhoso que uma amiga me deu e usei aqui no Lettera, me chamo Eulália e tenho você na conta do Face. Amo sua história desde do início que acompanho e considero a MELHOR do Lettera no momento!!! você tem sido perfeita em tudo na escrita legível, nas respostas aos comentários e nas emoções que nos passa. 

Eu é que agradeço pela oportunidade de ler essa maravilha!!!

Beijos!!!



Resposta do autor:

Mais uma visita das pessoas lindas do Facebook!

Muito feliz que vc decidiu me deixar um recado por aqui tbem, viu Eulália, vc tem sido muito gentil com os comentários sobre Delirium desde o começo e continua sendo gentil por aqui ao me dizer que o nosso humilde romance é o melhor do Lettera no momento *.* Muito, muito obrigada por este enorme elogio! Eu trabalho bastante para entregar capítulos coerentes e delicados para vcs ^^

 

Obrigada pelo feedback!

 

Beijos!



Nome: foxxy96 (Assinado) · Data: 29/07/2016 01:58 · Para: A Outra Rhian

Oieeee Teeeess O/ demorei, mas apareci kkkkk >< 

Gente, quando eu penso que não tem como a história ficar melhor, vem a Tess com um cap mais perfeito ainda *-* 

Caramba, Isis e Kess trabalhando juntas é uma coisa de louco, não tem quem segure mesmo Haha, 

Que lindo vê a Diana finalmente melhorando, e acordando toda fofa pra Rhian, finalmente um pouco de alívio hein, dona Tess, ufa, adorei como tudo se encaixou no diagnóstico dela e que não é algo tão assustador como um câncer. 

Tess se garante, tudo perfeito, história maravilhosa, *-* 

Beeeeijos ;* 



Resposta do autor:

Foxx marcando presença, gosto assim haha

Como vc tá, moça?

 

Isis e Kes fomaram uma dupla inesperada, mas eficiente hein, Andressa ficou na desvantagem rs

Diana acordou melhor, acordou de um pesadelo, né, ela não sabia se havia atirado na Rhian ou não, então acordar teve um alivio duplo para a nossa heroína :)

Eu disse pra vcs confiarem na autora que tudo ia dar certo haha

Beijos!



Nome: albuquerqueselena (Assinado) · Data: 29/07/2016 00:48 · Para: A Outra Rhian

Tess, amiga <3 saudades *.*

A doc ganhou meu respeito hahaha gosta da Di porque bota a Rhian no lugar o/ adoray ^^

Muito bom essa coerência no diagnóstico da Diana e ver ela despertar *.* to feliz pela minha diva =D

Essa história está cada vez mais linda *.*

E a Isis é uma fofa, depois do "momento" voltou pra saber mais da cunhada e nem sonhava que um dia cairia no brejo tb neh rsrs 

Bjooo

 



Resposta do autor:

Oieee Selena!!

Saudades tbem :/ Mas juro que minha "dieta tecnologica" está quase balanceada haha Estava precisando de um momento assim :)

Vc viu que a Marnie virou TeamDiana né hahaha Sempre quis colocar a Rhian no lugar dela, mas esta é uma missão exclusiva da Diana rsrs

Diana acordou e agora está sendo tratada da maneira correta, nossa diva ficará bem ^^

E nós tivemos a oportunidade de ver a Isis num momento "Isis ao natural" rsrs Depois de um momento de reflexão voltou de madrugada para terminar de ouvir a história sem sequer imaginar que cairia no brejo hahahahaha adorei isso rsrsrs

 

Beijos! 



Nome: Ana_Clara (Assinado) · Data: 28/07/2016 19:08 · Para: A Outra Rhian

Ain, este de todos foi até agora o capítulo mais lindo e humano de Delirium. A cena das duas subindo os morros de Alto Paraíso foi simplesmente tocante. Eu confesso que este momento delas, a beleza intríseca da Diana é simplesmente único. Que lindeza ela querendo ver uma girafa e a Rhian tão apaixonada querendo dar a ela este 'mimo'. Simplesmente único! Vou ser muito gay agora e dizer que eu adoraria que a mãe da Rhian estivesse viva, seria um casal fenomenal Hanna e Marina. kkkkkk Eu adoraria presenciar isso, com certeza!

A Rhian se culpando por não ter percebido antes a doença da Di foi também muito emocionante. Esse amor delas, esse sentimento de completude me deixa muito extasiada. Perfeito! E olha, eu tenho por mim que a 'Judas' do capítulo anterior não é a Marnie, eu sinto isso. Ela tem sido uma grande amiga pra Rhian, apesar de ainda gostar da nossa caribenha. E Tess, apesar da Amelie ter sido uma 'cachorra' com a Ari, eu realmente gostei dessa última cena delas. Esse beijo na testa foi o ápice, literalmente!



Resposta do autor:

Oieee Ana!

Delirium estava carente de momento assim, de pura conexão humana, e tbem estavámos carentes daquela moça que a Diana era antes de ser afetada pelos delírios e tbem pela Rhian :)

E eu gostaria de ter mais tempo para mostrar mais da Hanna, que na minha mente é uma personagem tão interessante haha Mas não temos, enfim :/ 

Rhian precisava desse momento de volta para o chão, um momento para analisar suas próprias ações, e a questão do Judas iremos descobrir em breve haha

Então, Amelie Kesnar. É um ser humano singular, mas o amor que ela sente pela Ariana é real. Ou ao menos ela acha que é, às vezes o amor se confunde a outros sentimentos como o de perda, Kes está numa jornada, Ariana já chegou ao final :)

Beijinhos!



Nome: OutroMundoLA (Assinado) · Data: 28/07/2016 17:18 · Para: A Outra Rhian

Ola, Querida autora! Quanto tempo!

Enfim! Nossa Diana está sendo curada!! o/

Muito tenso esse culpa excesiva que a Rhian está sentindo... Ela não deveria carregar tudo isso e nem as pessoas apontarem o dedo para ela. Diana também tem sua parcela de culpa, as duas na verdade! A culpa da fulga tambem é da Diana! foi um escolha dela seguir o amor da vida dela, ela sabia que ia ter que abrir mão do sonho dela. Agora é lutar para limpar o nome da Rhian e consequentemente seu nome

Kes querida! Deixo você da um beijo na minha boca e me levar para conhecer as ilhas das Bahamas! mas deixei um dos meu casais preferido em paz! Melhor aceitar agora do que depois nem ter meus beijos e nem a companhia para a viagem! ;)

Estou com um presentimento que a Andressa vai fazer merdinha com a polícia que ela tanto acredita... Kes confio em você para cuidar da meninas ta? :*

Até próximo capítulo, cara autora. ;*



Resposta do autor:

Mas veja quem voltou hahaha

 

Que bom vê-la por aqui novamente moça!

 

Complicada a culpa que a Rhian está sentindo, mas tbem necessária. O problema é que entre Rhian e Diana nunca há meio termo, elas não conseguem encontrar o equilibrio da relação e é ai que se perdem uma da outra no final das contas :/

E adorei o convite de retirada para a Kes hahahaha Está na hora de enviarmos a caribenha de volta por onde veio rsrs

Sobre a Andressa, confiamos desconfiando, afinal há conflitos de interesses para a Andressa entre proteger a Rhian e ficar com a Diana, né, veremos ^^

Até o próximo capítulo! E por favor, volte mesmo tá, é sempre maravilhoso ler os seus feedbacks ♥



Nome: JessyCorrea (Assinado) · Data: 28/07/2016 15:38 · Para: A Outra Rhian

Na noite de natal, com sua mulher na casa dos pais, você levar duas mulheres pra casa e transar com as duas na cama de vocês e um deslize? Um deslize? Hahahahahaha fala sério, Amelie. Merece mesmo se foder.



Resposta do autor:

Então Jessy hahahahaha

 

Para a Amelie, foi só um deslize, e assim, esta tbem era a mentalidade da Rhian antes da Diana, é outro ponto que iremos abordar, esse sentimento de diminuição do impacto das suas ações que tanto a Kes como a Rhian tinham em mente ;)



Nome: JessyCorrea (Assinado) · Data: 28/07/2016 15:36 · Para: A Outra Rhian

Ei, Tess! 

Esse capitulo foi magnifico ein! Mostrou tantas coisas, teve espaço pra tantos momentos, tantas revelações, tantas coisas gostosas de ler.. caprichou!

Não estou gostando nada, nada dessa moleza da Ari pra Kes. Isis, age, garota! Ta vendo que a sua menina ta caindo nas graças de outra não? Toma uma atitude. 

Sei que ela vai tomar. E mal posso esperar pra ver. Hahaha

Agora ficou bem reveladinho o que a Di tem e eu nunca poderia imaginar. Que bom que não é nada grave. Estava nervosa ja com todo aquele mistério. 

Mas ei.. que que a Rhian ta fazendo? 

Pensei por um momento que a Rhian tinha fugido quando a Di acordou e ela nao estava. :x tadinha da Di se isso tivesse acontecido. 

Acho que a Thai que denunciou ela... 

 

Beijos, Tess! Sofrido te esperar até quarta, poxa. Mas.. ate la! 

;***



Resposta do autor:

Oieeee Jessy *.*

 

Saudades de ti, moça, de verdade ♥

 

Capítulo dinâmico e cheio das situações e acho que esta é a tendência daqui até o final, capítulos cheios de informações, espero não atropelar nada pelo caminho.

Agora vamos a presença de Amelie Kesnar haha Ari vai se explicar melhor em breve, Kes balançou as ideias da moça, mas não vai durar ;) Aguarde Isis Ferraz em ação nos próximos momentos.

Diana vai sobreviver o/ Eu disse que ela estava segura comigo, não disse? rsrs

E a Rhian está com algo em mente como sempre, algo que ela julga a melhor saida para aquela situação, se é que haverá tempo para uma saída :/

Beijinhos e quarta já está aqui! haha



Nome: Luli (Assinado) · Data: 28/07/2016 13:51 · Para: A Outra Rhian

Quero ganhar todos os concursos! Vou começar falando isso, porque querendo ou não diminui a ansiedade da espera. Tô achando super chato ter que esperar até quarta, mas compreendo o porquê e fico mais aliviada em saber que temos um fds para diminuir a ansiedade! 

Como eu te disse, pelo nome do capítulo já sabíamos que seria difícil fazer essa leitura, pois colocamos expectativas demais em cima da Rhian. Achávamos todas as atitudes da mesma perfeitas e em contrapartida desconfiávamos das atitudes da Diana. Eu mesma em outro comentário julguei o ciumes louco da Di. Perdão, Diana. Do fundo do meu coração haha Isso que dá não avaliar os dois lados da história.

Sobre Ariana e Isis. Elas merecem um amor inteiro e só delas, né? Por mais que a Kes tenha dito que mudou, ela não pode alterar o passado e refazer as burradas (toda ação tem sua reação). E se ela mudou como ela afirmou, espero que deixe a Ariana ser feliz sem entrar na frente e atrapalhar. 

Agora meu foco é nesse encontro Andressa/Rhian. Teeeeeenso! rs

Aiai...

Super beijo, Tess! 

 

 

 

 

 

 



Resposta do autor:

Olá Luli!

 

Outro presente, a nossa troca de ideias *.* Infelizmente não consegui manter o ritmo de entrega, mas aqui estou trabalhando para postar capítulos caprichados para vcs, leitoras lindas ♥

Este capítulo foi uma tentiva de realmente colocar vcs leitoras no lugar da Diana quando a tal da fantasia da namorada perfeita começou a ser ameaçada pelas imperfeições da Rhian. Tal como para as leitoras, a Diana apesar de desconfiada, acreditava na perfeição da Rhian, e ver os traços dessa outra Rhian a surpreendeu e a deixou mais insegura ainda :/

Normal julgar a Diana hahaha Ela dá nos nervos de vez em quando, e sabe que dá nos nervos, então aceita as desculpas rsrs

E vc está totalmente certa, pessoas mudam com as burradas que comentem, mas as burradas não mudam de lugar, continuam lá, magoando e quebrando qualquer sentimento bonito que existia antes disso, e a Ari não só sabe, como ainda sente na pele este conceito :/

#TeamArisis!

Capítulo de quarta cheio de tensão, é tudo o que eu posso adiantar ;) até mais moça!



Nome: HeliMaia (Assinado) · Data: 28/07/2016 13:44 · Para: A Outra Rhian
Tess, sua linda!

Sem fôlego com esse capítulo maravilhoso!

Aliviada por Diana está ficando bem, super preocupada com essa outra Rhian, adorando essa Ariana decidida pela minha deusa Ísis!

Me recusando a acreditar que a melhor, a mais bem elaborada, a mais apaixonante e envolvente estória do Lettera está na reta final.

Sendo consumida pela ansiedade de ter que esperar uma semana inteira para ler mais de você e de sua linda e envolvente escrita.

P.S. Não saberei lidar com o fim... Qual será o sentido da minha existência agora?

P.S.2 Já tem alguma história em mente pra qnd terminar essa não abandonar suas leitoras?

Resposta do autor:

Heli *.*

 

Tudo bem com vc?

 

Di em fase de recuperação, a Outra Rhian dando um oi na história e a Ariana reta e segura pela nossa linda Isis *.* Mas quem não, não é? haha

 

Delirium está chegando ao final :/ Estou com uma sensação estranha tbem, sabe que na última história que eu terminei, eu não terminei haha Eu parei faltando dois parágrafos para o fim e comecei Delirium, pra fugir desta sensação rsrs Mas juro que não vou fazer isso agora, tá rsrs

Quarta-feira temos capítulo novo! E vc manda a saudade da escrita e eu desses comentários tão generosos que eu ando recebo como este seu :)

P.s. Vamos lidando com o fim juntas, tá, tbem preciso de apoio haha

P.s.2: Já tenho outra história em mente sim, tinha três que eu estava rascunhando mas já decidi com a qual vou em frente :) Provisoriamente estou chamando o romance de "Mediterrâneo", ainda está apenas no meu bloco de notas de mão, perdido entre as minhas anotações frenéticas e desvairadas, mas aos poucos, vai tomando forma ^^ Tenho o apoio de vcs? Ai eu vou em frente haha

Beijos!



Nome: BiaRid (Assinado) · Data: 28/07/2016 12:46 · Para: A Outra Rhian

Ei Tess, a capa ficou perfeita, e fofa. 

Esse cap foi ótimo, descobrir essa "outra Rhian". Eu to apaixonada por essa mulher, e pela Diana tbm. Não da pra prefirir uma delas. haha

Beijo, Tess!



Resposta do autor:

Oieeee Bia!

Momento fofo para Isis e Ariana *.*

O mais importante foi ter conhecido a "outra Rhian" e seguir amando a nossa caribenha ;)

Beijinhos, até o próximo capítulo!



Nome: Pryscylla (Assinado) · Data: 28/07/2016 04:32 · Para: A Outra Rhian

Que felicidade saber que a Diana vai ficar bem,olha essa ligação me deixou curiosa autora malvada kkkkkkk

Bjus =]



Resposta do autor:

Olá Pryscylla!!

 

Tudo bem por ai?

 

Vcs já perceberam que essa autora aqui é viciada em contar os negócios pela metade hahaha Mas vcs são umas lindas que não me abandonam nunca ;)

Beijos!



Nome: patty-321 (Assinado) · Data: 28/07/2016 03:15 · Para: A Outra Rhian
Q bom q é tratavel. E o q a rhian tá aprontando? Não entendi direito essa conversa com a …rica. Mistérios ainda persistem. Bjs tessa.

Resposta do autor:

Oi Patty!

 

É tratável, pode ser controlado, coisa que se faz com mais tranquilidade ao lado de uma esposa médica né haha Nossa linda Rhian sempre está aprontando alguma, mais um misteriozinho para temperar nossa história :)

Beijos!



Nome: Ada M Melo (Assinado) · Data: 28/07/2016 00:24 · Para: A Outra Rhian

gente o alivio da Diana é tambem o nosso, agora só torcer pra elas vivam esse amor em paz....e tudo se resolva.

 

abraço!



Resposta do autor:

Olá Ada!

 

Parte da tempestade passou, vamos esperar pelos momentos de verão agora ^^

Beijos!



Nome: LeticiaFed (Assinado) · Data: 27/07/2016 23:37 · Para: A Outra Rhian

Então...sou repetititiva mas não posso deixar de elogiar mais um capítulo delicioso de uma das melhores histórias do site como as meninas afirmaram! Além do português super correto, o recurso de utilizar os sonhos da Diana como flashback foi perfeito. Parabéns, Tessa!

A parte boa de ter sido sorteada é que li o capítulo ontem, e a parte ruim é que...já li o capítulo ontem, agora só na quarta que vem! E ando morta de curiosa com o ocorrido no dia da separação, mimimi...rsrsrs

Boa semana a todas, beijo grande!

 

 



Resposta do autor:

Oieee Leticia!

 

Te disse que foi um presente ter tido a oportunidade de trocar ideias contigo, né? Apesar da descoberta de que tem uma outra médica lendo Delirium me deixar meio ansiosa hahaha Adorei a resenha que vc me enviou por e-mail e o que dizer deste comentário tão cheio de carinho? Muito obrigada mesmo! Pela leitura e pela conversa e nem se preocupe, o flashback definitivo com o que aconteceu para a separação e o que aconteceu depois que a Di foi embora já tem momento definido, capítulo 34 e saberemos de tudo ;)

Continue comigo!

 

Beijos!



Nome: Lary_ferreira (Assinado) · Data: 27/07/2016 23:18 · Para: A Outra Rhian
Tessa só uma coisa EU NÃO QUERO QUE ACABE. :'(

Resposta do autor:

Lary, me abraça, vem cá :/

 

Eu tbem tô sofrendo com essa coisa de término, sério, mas ando me doando aos pouquinhos para minha próxima história para que doa menos viu

Mas será dificil dizer adeus a Rhian Kier e Diana Ferraz :/

Estou conflitada :/

Abraça de novo rsrs

 

 

 



Nome: sonhadora (Assinado) · Data: 27/07/2016 23:10 · Para: A Outra Rhian

Capítulo maravilhoso!!! Concordo com a leitora Fernanda, é umas das melhores histórias do Lettera!!! fico com a respiração suspensa quando estou lendo, é muita emoção e ação!! E você sabe dosar tudo na medida certa, sem contar que sua escrita é perfeita, sem erros de Português, com uma dose de magia em cada personagem!!! Sou figurinha certa na sua história e já estava "agoniada" esperando você postar!!!

Beijos de Luz menina e que continue iluminando sua inspiração!!!

Já em contagem regressiva para o capítulo 31.



Resposta do autor:

Olá moça!

 

Acho que é a primeira vez que a vejo por aqui, se estiver certa, bem-vinda a Delirium haha

Muito obrigada pelos elogios à escrita e ao desenvolvimento da história! Fico muito feliz que as personagens tenham te cativado e te mantido no romance até aqui :) Volte mais vezes por aqui, viu? Ainda mais se for para me enviar feedbacks tão primorosos :)

 

Beijinhos, até o próximo capítulo!



Nome: preguicella (Assinado) · Data: 27/07/2016 22:45 · Para: A Outra Rhian

Adorei o capítulo.

Já vi que a mala da Kes vai querer atrapalhar meu casal favorito! Não curti! hahaha

Aff, só quarta! Que tristeza! Nem vou torcer pra passar rápido pq preciso descansar no final de semana!

Oh céus! Como é dura a vida de leitora! hahaha

Adorei a capa nova! 

Bjão querida!



Resposta do autor:

Olá moça!

 

Kes chegando sem ser convidada e com ideias na cabeça haha

Não torça pra passar rápido o final de semana não que eu tbem tenho que terminar o capítulo de quarta rsrs Vamos passar devagar, vai ;)

Capa nova para Arisis nossas lindas ♥

Obrigada por ter tornado suas visitas constantes outra vez, viu? Adorando vê-la por aqui sempre :)

Beijos!



Nome: FernandaPRF (Assinado) · Data: 27/07/2016 22:33 · Para: A Outra Rhian

Tessa Reis! Capítulo PERFEITO! Sua estória é uma das melhores deste site! Parabéns! Escreves divinamente, guria! Parabéns outra vez. Você é fera! 

 

BJ 

 

Fernanda C. 



Resposta do autor:

Oieee Fernanda!

 

Muito obrigada pelo enorme elogio e pela sua leitura, de verdade!

 

Beijos, até o próximo capítulo!



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.