Seu olhar por Heli


[Comentários - 29]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

24 Surpresa.

Éster

No dia seguinte fiz todos os exames com minha tia, e deste que acordei não pude come nada por causa desses exames, e para minha surpresa Carla apareceu com uma bandeja de comida para mim, e dessa vez ela não estava com aquele jaleco de medica, estava bem despojada.
- Obrigada
Falei um pouco tímida e fiquei ali olhando para a bandeja em minha frente.
- Vai Éster coma, sei que ainda não comeu nada deste que acordou.
Carla ficou me olhando com um sorriso, enquanto eu colocava uma colher daquela comida em minha boca, e confesso com a primeira que pus me deu uma sensação maravilhosa com a gostousura que estava a comida, que só não podia ser do hospital.
- Nossa que delícia, como conseguiu isso? Doutora 
- Primeiro me chame só de Carla tá bom? E sair cedo do meu Platão, e como eu sabia que você iria fica sem come para fazer os exames, eu fiz para você! Deve está melhor do que daqui não?
Fiquei toda boba, por ela ter feito um almoço para mim, que comi tudo.
- mais uma vez obrigada Carla, certo? E sim estava maravilhoso! Você que fez?
- Sim, uma pessoa que me ensinou! Acho que agora e a segunda coisa que sei fazer agora.
E começamos a rir juntas de seu comentário.
- E bom te ver sorrindo, esses anos em que você esteve em coma foi horrível
Carla falou um pouco triste
- Devo imagina
Falei triste.
Eu tenho que recupera minhas  memórias, eu não podia deixar aquelas lembranças esquecidas ainda mais com essa mulher em minha frente sempre parecendo triste, eu tenho que recupera para sabe por que ela fica assim, ou tenho que descobri.
Na hora que eu iria volta a fala minha tia aparece 
- Oi Carla, por aqui!
Minha tia falou com Carla que lhe deu um sorriso sem graça e falando.
- Vim trazer um almoço a Éster.
- Nossa eu tinha esquecido, e tanta coisa! Me desculpe Éster?Minha tia falou 
- tudo bem! Tia
- Bom, mas eu vim aqui dar uma noticia ótima a você.
Minha tia falou me olhando. 
Balancei a cabeça em afirmação.
- Seu quadro de saúde e ótimo, com exceção da perda de memória, mais você vai recuperar lá com o tempo, a área da memória só está fraca pelo tempo que ficou em coma, e pelo trauma do assistente.
Percebi Carla me olhando com um brilho no olhar, percebi isso por que as vezes eu dava uma olhada em sua direção e via Carla, Franzi a testa, via como ficava com seu olhar atento a mim, e seu Sorriso foi o mais incrível, que foi hipnotizante.
Fiquei até animada ao sabe, que logo lembraria daquela linda mulher, mesmo se formos mesmo amigas fico feliz em sabe que tenho alguém tão especial como ela em minha vida.

Carla

Ao sabe que Éster logo recuperaria sua memória, me deixou muito feliz, que fiquei olhando para Éster toda animada, e como eu queria beija lá, abraça lá, mas agora eu não poderia, não saberia como seria sua reação.
- Que bom que, logo terá suas memórias de volta Éster.
Falei toda animada
- Sim, e estou feliz! Assim lembrarei de você!
Éster falou com empolgação, me aproximei de sua cama para abraça lá, eu não aguentava mas, estou precisando disso.
Me aproximei e sem receio, me sentei do lado da cama, e puxei Éster para um abraço de saudade que eu estava dessa menina, e para minha felicidade, ela retribuía da mesma forma, como se soubesse quem eu era, e  que somos um casal.
Mas como sempre Fabíola tem que interromper nosso momento rsr
- está tudo lindo esse abraço de vocês, mas ainda estou aqui.
Percebi que Éster, ficou vermelha com o comentário de sua tia.
- Tia, foi só um abraço! Estou feliz! E Carla também já que somos amigas né?
Éster falou deixando agora um silêncio no quarto, quem daria a primeira palavra, eu não quero mas fala essa palavra " amiga" já que sou muito mas que isso, então tenho que fala de uma vez, já que minha menina vai recupera a memória, mais na hora que fui Bruna entra no quarto de Éster igual um foguete nos assustando.
- O que isso Bruna? Isso são modos de entra em um quarto de paciente?
Fabíola raio com Bruna.
- Desculpa Dra. Fabíola, e que eu soube que Éster acordou e queria ver lá.
Bruna falou olhando para Éster, como se nunca a tivesse visto, sei que Bruna tem Luana, mas me deu uma pontada de ciumes o modo que e Éster sorriu para ela.
- Oi Ned?
Éster deu um risinho e falou
- Ainda não me lembro de ninguém, mais pelo jeito que falou presumo que seja uma amiga ?
- Sim, sim.. Nossa pensei que fosse mentira do rádio fofoca de você ter perdido a memória.
Bruna falou, fazendo Éster cair na risada. E fiquei na minha só a observa ao lado de Éster.
- Sim, e verdade! Mas minha tia falou que vou recuperar las.
Éster falou se virando para mim, com um sorriso. Que naquele seu olhar parecia que ela queria me dizer algo.
- fico feliz por você Éster
Bruna falou
- OK, OK.. Mas agora Éster precisa volta a relaxa que mais tarde ela vai termina os últimos exames para amanha volta pra casa!
- Sério?
Eu e Éster falamos juntas.
- sim! Respondeu Fabíola.
- que bom!
Falei um pouco triste, não que eu quisesse Éster no hospital para sempre, mais assim não poderia vê lá com freguesia.
- Verdade e bom! Mais quero que você sempre vá me visita, gosto de sua presença.
Falou Éster para minha surpresa.

Notas finais:

Acho que ainda não agredici os comentários, que mau educada eu sou rsrsrssrsr Brinks 

 

Obrigada meninas pelos comentários, vocês não sabe como fico animada quando leio os comentários de vocês, que me dar mais e mais e mais ainda vontade de escreve.

Obrigada de coração??’???’—



Comentários


Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.