A rival por Thaa


[Comentários - 343]   Impressora Imprimir Capitulo ou História - Lista de Capítulos

- Tamanho do Texto +

 

 

 

Dezesseis


     Na manhã do dia seguinte, Erin tentou levantar-se da cama, mas não conseguiu. Suas forças pareciam terem sido sugadas até a última gota. Sentia uma forte dor de cabeça, dores no corpo. Como médica, sabia que estava doente e necessitava de repouso e remédios.

_ Mãe_ Melissa chamou do chão.

Erin olhou para a filha.

Melissa estava só com uma calcinha de cor branca e toda lambuzada de chocolate líquido. Os cabelos estavam totalmente desalinhados e a boca suja.

_ Mel, venha para a mamãe_ Erin chamou, com voz arrastada.

A porta do quarto abriu.

Um cheiro delicioso, de perfume, pairou no ar.

Fabíola olhou para Melissa e assombrou-se com tamanha lambuzagem que estava a menina.

Melissa sorriu quando viu Fabíola parada à porta.

_ Faaa!Faaa!_ Gritou e começou a dançar batendo os braços como um pássaro novo aprendendo a voar.

Depois começou a rodopiar dando pulinhos.

Fabíola olhou para Erin e trancou a porta.

Erin olhou de volta para Fabíola, para a roupa amarela_um conjunto de saia e blazer, com uma blusa por dentro deste , de cor branca. O salto era preto. Impecável. O lábios pintados de vermelho e o queixo protuberânte e erguido.

_ Eu posso saber por que você ainda está deitada umas horas dessas_ perguntou rudemente,  olhando a hora no relógio de ouro em seu pulso._ Você é a babá ou eu?!

_ Faaa!

Melissa gritava, correndo pela suíte inteira.

_ Olhe a situação de sua filha_ apontou para Melissa_ Isso são moldes se cuidar de uma criança?!

Erin fechou os olhos.

_ Fabíola, por favor, modere, eu estou doente. Não seja bruta_ Erin tentou amansar Fabíola.

Fabíola colocou as duas mãos na cintura e respirou fundo.

_ O que você tem? Se eu soubesse que iria adoecer, não teria deixado você vir.

_ Creio que seja apenas minha alergia. Devo ter comido algo no jantar ontem, que me fez mal. Estou com febre atenuante, dor de cabeça e no corpo.

Fabíola passou a mão pela testa.

_ Eu vou ter que desmarcar a minha reunião?! É impossível de acreditar._ começou a andar de um lado para o outro _ Para cuidar de você e ainda por cima, cuidar de Melissa. É mais do que eu posso suportar.

Erin irritou-se.

_ Olha, Fabíola, pode ir para sua reunião, não estou pedindo para você ficar aqui. Eu me viro sozinha. Você ou trabalha um dia ou morre.

_ Lógico, trabalhar é o que eu gosto e sei fazer de melhor.

_ Não, o que você sabe Sabe fazer de melhor é destruir a vida dos outros_ Erin tentou levantar-se e a cabeça começou a doer. Passou uma das mãos pela testa.

_ Eu estou vendo, que você pode cuidar-se sozinha._ Fabíola abriu a bolsa e ligou para o banqueiro, desmarcando a reunião. Pegou Melissa e deu banho nela, depois pôs um vestido amarelo na menina e uma

sapatilha dourada. Penteou-lhe os cabelos e passou uma lavanda suave nela.
Pegou Melissa nos braços e disse de cara fechada:

_ Muito bem, de que remédios você precisa. Você é a médica, não eu.

Erin surpreendeu-se com a atitude bondosa de Fabíola. Embora o rosto fosse ainda um poço de arrogância.

_ Eu não sei quais os tipos de remédios aqui de Vicenza, mas você pode pedir apenas uma analgésico para dor de cabeça e outro para dores no corpo. É só uma alergia, logo vai passar.

_ Assim espero, doutora.

Erin juntou as sobrancelhas.

Encarou Fabíola.

_ Você me culpa por eu estar doente, é isso?

Fabíola altivou o queixo.

_ Somente analgésicos?_ perguntou sem olhar para Erin.

Erin sacudiu a cabeça.

_Só_ confirmou com raiva.

Fabíola deixou o quarto, com Melissa nos braços.

Quando voltou da farmácia, entregou o remédio e, ainda que orgulhosa, sentou ao lado da cama e deu uma massagem na testa de Erin.

 Algum tempo depois, quando viu que Erin adormeceu,ficou por um tempo observando-a dormir. Gostaria de saber o que estava acontecendo. Poderia ficar ali pelo resto de seus dias, perdida ,observando aquele doce momento, enquanto a médica estava longe e sonhando. Queria saber se ela estava sonhando consigo. Se era a sua pessoa quem ela estava vendo naquele sonho. Cada momento que havia passado com Erin, tinha sido doce e amargo. Quente e gelado. Porque era assim, que ambas eram. Se dizia não, Erin dizia sim e se dizia sim, Erin dizia não.

      Porque afinal, Erin era tudo o que jamais imaginou querer, mas queria.

    Erin abriu os olhos e segurou a mão de Fabíola. Fitou os olhos azuis que pareciam desconfiados.

    Depois de uma troca de olhar demorada, Fabíola se pôs de pé.

    Saiu do quarto levando Melissa, preocupada com aqueles devaneios.


                            ***


      A uma mesa, no terraço do hotel italiano, Fabíola e seus secretários tomavam um vinho gelado e conversavam sobre a reunião do dia seguinte, em Veneza, a mesma reunião que era para ter acontecido na parte da manhã, mas devido ao mal estar de Erin, Fabíola tivera de desmarcar a reuniãoe e deixar a mesma para o dia seguinte.

    Fabíola não gostou nem um pouco de ter desmarcado a reunião.

  Odiava ser taxada de inrresponsável.

  Dezoito e quinze da tarde Fabíola entrou no quarto de Erin, novamente , para pegar o celular que havia esquecido, quando ligou para Lorenzo Fiorezza, mais cedo.

   Erin já sentia-se bem melhor. A alergia enfim se fora.Percebeu que Fabíola estava toda arrumada em um vestido roxo de mangas uma bolsa de couro preto e um salto da mesma cor acompanhava o traje.

_ Vai à reunião, Fabíola? _ Erin perguntou atrevida.

Fabíola voltou-se para ela de cenho franzido.

_ Lógico que não. A reunião será amanhã, em Veneza. Vou dar uma volta próximo à Basílica Palladiana_ disse bruta.

_ Eu e a Mel também queremos ir.

Fabíola foi até Erin e olhou para ela bem de pertinho. Segurou-lhe o maxilar e quando ia beijar Erin, Melissa pulou por cima de si. Num sobressalto, pegou a menina nos braços.

_Faaa...mãe vai! Oh Faa..._ Gritou num bipe ao ouvido de Fabíola.

Melissa abraçou o pescoço de Fabíola e beijou sua face.

_ Ta Melissa já chega._ olhou para Erin_  Você veio aqui para cuidar da menina e não passear.

_ Bem, isso não interessa_ Erin disse levantado-se._ Você pode ir, eu e a Mel vamos sozinhas. Sem a sua presença arrogante por perto. Pegou Melissa dos braços de Fabíola.

Fabíola cerrou os olhos.

_ Erin...tenha cuidado com as suas palavras. E de forma alguma, você vai sair sozinha por aí, com a menina. Não confio em você. Você pode fugir pelas minhas costas.

As faces de Erin ficaram vermelhas.

_ Que sandice é essa? Você não tem juízo por acaso? Tudo que sai da sua boca é bobagem! Tem cabeça mas não tem juízo!

_ Apronte-se antes que eu desista de ir! _ gritou e deixou o quarto.

Erin tomou banho junto com Melissa. Colou um vestido na menina, de uma cor rosa-goiaba, um casaco branco de peles e uma bota também branca de peles, combinando com o casaco. Penteou os cabelos da filha e colocou-a na cama, enquanto vestia uma saia estampada longa de tecido leve, com uma blusa de alças, de seda, por dentro da saia. Calçou uma alpercata rasteirinha de cor branca,penteou os cabelos curtos e perfumou-se. Para finalizar, passou uma maquiagem leve.

Fabíola entrou no quarto.

_ Vamos_ disse apenas e saiu andando na frente.

Erin pegou Melissa nos braços e saíram do hotel.

Quando chegaram a uma linda praça, forrada por um grama muito bem cuidada, Erin pôs Melissa no chão e começou a brincar com a filha.

Fabíola andava sozinha atrás, de cara feia, enquanto mãe e filha corriam na frente brincado feito duas crianças.

Perto de uma estátua italiana, Erin disse:

_ Fabíola, tire uma foto nossa.

Fabíola indignou-se fez que não ouviu. Ficou olhando para um canto qualquer mas não olhou para a médica.

_ Fabíola?_ Erin chamou novamente, provocando._ Tire uma foto nossa.

_ Eu não sou fotógrafa_ Fabíola disse arrogantemente.

Erin beijou a cabeça de Melissa.

_ Vá, Mel, entregar o celular a Fa_ tirou o celular da bolsa e deu a filha.

Melissa logo correu com o celular nas mãos e entregou-o a empresária.
Bruscamente, Fabíola pegou o celular das mãos da menina, que logo correu de volta para o braços da mãe.

Quando foi tirar a foto, o celular descarregou.

Irritou-se.

_ Você quer que eu tire foto com o celular descarregado!

_ Tire com o seu então.

Fabíola encarou a médica, respirando fundo. Tirou o celular da bolsa e tirou uma foto da médica e da filha.

_ Pronto! _ gritou e foi entregar o celular a Erin.

_ Venha, tirar uma foto conosco_ Erin chamou.

_ Não vou tirar fotos.

_Scatta una foto di noi _ Erin falou para um homem que passava ali por perto.

O homem logo veio.

Erin acomodou-se num banco e colocou Melissa de pé ao seu lado direito, Fabíola acomodou-se ao lado de Melissa. A menina agarrou o pescoço da mãe e da empresária e sorriu enquanto o homem tirava a foto.

Depois de tirada a foto, Erin colocou Melissa no chão e a menina correu em disparada pela grama. Erin correu atrás. Fabíola irritou-se e andou a passos largos, atrás da médica e da filha.
Sob um varal de luzes prateadas, um palco redondo estava montado e a banda de folk rock_The Lumineers, tocava a música Ho Hey.

Ao som da melodia, Erin, segurando as duas mãos de Melissa ,dançava, juntamente com outros grupos de famílias italianas.

Fabíola cruzou os braços acima do peito e ficou a observar de longe, mãe e filha dançado.

 Poderia ficar eternamente, ouvindo àquela doce canção e olhando àquela adorável cena.

Notas finais:

;)



Comentários


Nome: amandanasnuvens (Assinado) · Data: 21/08/2016 07:51 · Para: Capitulo 16

impossivel nao se apaixonar pela historia



Nome: Ana_Clara (Assinado) · Data: 10/02/2016 02:08 · Para: Capitulo 16

Kkkkkkk Uma sandice maior que a outra. Kkkkkkk A Fabíola é tão mal humorada que é até engraçado.



Nome: lucy (Assinado) · Data: 26/01/2016 21:20 · Para: Capitulo 16

 Creio que o derretimento da calota polar (coração) da Fa kkkk

Tá ali derretendo com o aquecimento global (Erin+Mel) 

É questão de tempo pra essa mulher que se faz de forte dar o braço

a torcer, que tá perdendo um tempo precioso, podendo estar nos braços

da médica que vai saber cuidar desse coração endurecido, por algo ruim

que ela passou....o Amor cura tudo kkkk dizem por aí

Estou ansiosa pra ler a poderosa se derretendo e aceitando esse Amor 

que vai não...... Já está iluminando e mudando toda a sua vida chata e escura

pra uma vida bem melhor kkkk dou muita risada dessa picuinhas dela , pois Erin e

a filha dobram ela facinho facinho....só ela não se deu conta

Bjs autora e Nota Mil !!!



Resposta do autor em 27/01/2016:

Pois é Lucy, é só para dá risada da cara da Fã... Ela está tão cega pensando que manda em todo mundo que não percebe que está sendo mandada.. 😂😂😂

 

 

Beijos, querida, até. 😘



Nome: Ada M Melo (Assinado) · Data: 21/01/2016 22:13 · Para: Capitulo 16

sei viu acho que só a Erin levando um tiro pra Fabiola acordar pra vida, ou mulher do coração gelado, se bem ja se percebe um derretimente leve desse gelo.



Resposta do autor em 24/01/2016:

Oi, Ada, rsrsrs, daqui o coração gelado esquenta. 

 

Beijos até. ;)



Nome: patty-321 (Assinado) · Data: 21/01/2016 02:53 · Para: Capitulo 16
O gelo de fa ta derretendo. Mae e filha estao aos poucos fazendo morada nesse coração de pedra. Amando tuas estórias moça talentosa . Bjs

Resposta do autor em 24/01/2016:

Oi, Patty, pois é.. Pouco a pouco... Em gesto morosos, o gelo derrete. 

 

Beijos até, ;)



Nome: patty-321 (Assinado) · Data: 21/01/2016 02:52 · Para: Capitulo 16
O gelo de fa ta derretendo. Mae e filha estao aos poucos fazendo morada nesse coração de pedra. Amando tuas estórias moça talentosa . Bjs


Nome: leiacris1 (Assinado) · Data: 21/01/2016 01:42 · Para: Capitulo 16

Olá

A Fabíola não é tão má. Ela só precisa exorcizar os fantasmas do passado e dar uma chance para o que sente pela Erin.



Resposta do autor em 24/01/2016:

Oi, Leia, pois é.. Tadinha da Fa... Rsrsrs..

 

Beijos querida, até ;)



Nome: flawer (Assinado) · Data: 21/01/2016 00:05 · Para: Capitulo 16

Kkkkkkkkkkkkkkkkk

Não disse que Erin iria aos poucos domar a Fabiola?

Seguraaaaaa peã!!!! Aos pouquinhos já está mandando nela que põe bico mas acata!

 

Capítulo excelente! (ver o gelo da doutora braba derretendo foi muito fofo!!! Rsssssssssss)

 

bjssssssssss 



Resposta do autor em 24/01/2016:

Oi, Flawer, pois é... Fofo né.. Kkkkk

 

Bjsssssss , garota ;)



Nome: Heloisa (Assinado) · Data: 20/01/2016 23:35 · Para: Capitulo 16

Tô pensando...Vou clicar no "violação de regras" para você autora...

Se nós não tivermos capítulos dia sim ,dia não das suas duas estórias...O site devia te penalizar!

rsrsrsrrsrsr....Brincadeirinha!

São ótimas  realmente desejo,inspiração continua...

Obrigada.



Resposta do autor em 20/01/2016:

Kkkkkkkk..obrigada, Heloísa, rsrs..que bom que está gostando. 

 

Beijos, querida.  😘



Nome: Paloma Lacerda (Assinado) · Data: 20/01/2016 22:25 · Para: Capitulo 16

Q lindo!!! Fiquei encantada com este capítulo. Parabéns! !!



Resposta do autor em 20/01/2016:

Obrigada, Paloma.. Rsrs...que bom que gostou, beijos! 😘



Nome: Paloma Lacerda (Assinado) · Data: 20/01/2016 22:25 · Para: Capitulo 16

Q lindo!!! Fiquei encantada com este capítulo. Parabéns! !!



Nome: Paloma Lacerda (Assinado) · Data: 20/01/2016 22:25 · Para: Capitulo 16

Q lindo!!! Fiquei encantada com este capítulo. Parabéns! !!



Nome: NayGomez (Assinado) · Data: 20/01/2016 22:05 · Para: Capitulo 16

Ownt  Faah  dá  uma de durona mais ela na verdade é  solitária... Quero mais.... Plis



Resposta do autor em 20/01/2016:

Pois é Nay ,  Fa precisa de carinho.. Kkkkkk

 

Beijos querida! 😘



Nome: kiddah (Assinado) · Data: 20/01/2016 21:49 · Para: Capitulo 16
Comecei a ler hoje estou adorando. Seguindo...

Resposta do autor em 20/01/2016:

Olá, Kiddah, que bom que está gostando.. Beijos 😘



Nome: Mille (Assinado) · Data: 20/01/2016 21:39 · Para: Capitulo 16

Fabíola é uma dualidade de sentimentos, acho interessante quando a Mel quer algo ela mesmo contrariada faz o que a menina quer.

É até engraçado elas juntas.

Bjus e até o próximo



Resposta do autor em 20/01/2016:

Kkkkk ..  Pois é, Mille.. Mas no fundo o coração dela pertence a doutora... Km

 

Beijo 😘 



Nome: graziela (Assinado) · Data: 20/01/2016 19:59 · Para: Capitulo 16

Fabiola amolecendo,  aos poucos ela muda. 

Cuidou até da Erin. 😍 



Resposta do autor em 20/01/2016:

Pois então minha linda Grazi... Aos poucos a prócer vai mudando.. Kkk

 

Beijos querida 😘



Nome: Taypires (Assinado) · Data: 20/01/2016 19:46 · Para: Capitulo 16

Espero que com esse clima de cidade romântica Fabiola amoleça seu coração. Estou curiosa para saber o por que de tanto rancor.



Resposta do autor em 20/01/2016:

Estamos quase lá.. TAY... Rsrsrs....

 

Está quase chegando ao fim... 

 

Beijos querida 😘



Nome: silva (Assinado) · Data: 20/01/2016 19:43 · Para: Capitulo 16

Ain que capítulo hein, Fabíola já está totalmente encantada pela a Erin ..haha

Já estou aguardando o próximo capítulo ♥



Resposta do autor em 20/01/2016:

Kkkkkk.... Pois é Silva... Completamente encantada.. 

 

Beijos querida, até 😘



Você deve fazer login ou se cadastrar para comentar.